De acordo com o site da Exame, modelo Volkswagen perde apenas 7,81% de seu valor no 1º ano de uso

A Volkswagen Amarok V6, picape média mais tecnológica e potente do Brasil, passa a ser também uma das picapes que menos desvaloriza no mercado de usados. A pedido do site Exame, a KBB Brasil (Kelley Blue Book) apurou o nível de depreciação dos veículos com tração nas quatro rodas mais vendidos de 2018. A Volkswagen Amarok V6 obteve o excelente resultado de 7,81% de depreciação no primeiro ano de uso.

“Esse resultado reforça a ótima imagem que o produto Amarok tem no mercado. Um índice tão baixo para um veículo de cerca de R$ 190 mil mostra que a picape Volkswagen está no caminho certo. A Amarok vem conquistando cada vez mais consumidores, seja de modelos novos ou de usados, por sua robustez, tecnologia e desempenho sem precedentes na categoria”, explica Rodrigo Lombardi, gerente de Veículos de Comerciais Leves da Volkswagen.

A KBB Brasil levou em consideração todos os modelos que possuem uma versão 4X4, sendo utilizada a mais completa disponível. Os veículos do levantamento vieram do acumulado de vendas de 2018, de acordo com a Fenabrave (Federação Nacional Distribuição Veículos Automotores). A depreciação em um ano é realizada pela comparação entre o veículo novo no passado e o usado atualmente.

A Kelley Blue Book é uma plataforma de cotação de preços de carros, sendo considerada uma das marcas mais reconhecidas na indústria automotiva dos Estados Unidos e que já atua em diversos países. A empresa atua no Brasil desde 2017.

Maiores potência e torque da categoria

A Amarok V6 é a versão topo de linha da picape fabricada na Argentina, que chegou ao Brasil em fevereiro de 2018. O utilitário é equipada com o motor 3.0 V6 TDI turbodiesel e tem o maior torque (550 Nm) e a maior potência (225 cv) da categoria, além do câmbio automático de oito marchas e tração integral 4Motion de série.

Controles eletrônicos de tração e de estabilidade, assistente de partida em rampas, controle de descida (com modo off-road), ar-condicionado automático de duas zonas e central multimídia com tela de 6,3 polegadas sensível ao toque são alguns dos equipamentos de série. A Amarok V6 Highline chegou para completar a gama de ofertas do modelo, que já era vendido com o motor 2.0 turbodiesel (140 cv) e o motor 2.0 diesel com dois turbocompressores (180 cv).

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Dodge Dart completa 50 anos do lançamento no Brasil

Modelo foi o primeiro automóvel da marca a ser produzido no país “Velocidade. Potência. De…