Dados da Polícia Rodoviária mostram, entre outras importantes informações, quais as rodovias com maior ocorrência de acidentes

Com dados da PRF (Polícia Rodoviária Federal), a Confederação Nacional do Transporte (CNT) disponibilizou no final de janeiro a atualização do Painel CNT de Consultas Dinâmicas dos Acidentes Rodoviários. Os arquivos trazem os principais dados e análises sobre os acidentes registrados em rodovias federais no Brasil desde 2007, por região e por Unidade da Federação. É possível, por exemplo, saber quais são as rodovias onde ocorre o maior número de acidentes, os tipos de ocorrências mais frequentes, quantos ciclistas e motociclistas morrem por ano nas rodovias, dentre outros. A falta de atenção dos motoristas ao volante aparece como causa frequente dos acidentes. Por isso, a direção segura na condução dos veículos pode contribuir para evitar tragédias durante o feriado de carnaval, tanto nas estradas quanto nas ruas e avenidas.

Débora Silva, instrutora do SEST SENAT de São Vicente, lembra que além da atenção dos motoristas, as condições dos veículos são essenciais para a segurança no trânsito. Por isso, a dica é sempre fazer a manutenção preventiva. “Assim, o condutor não será pego de surpresa com eventuais falhas”, aponta Débora. Ela ressalta que pneus gastos, freios desregulados, lâmpadas queimadas, falta de buzina, espelhos retrovisores com problemas, entre outros equipamentos inoperantes, aumentam os riscos de ocorrências.

“Os dias de chuva merecem cuidados redobrados nas vias. A aquaplanagem ou hidroplanagem podem reduzir a aderência do veículo ao solo”, alerta a instrutora do SEST SENAT São Vicente. Ela explica que quanto maior a velocidade, menor será o controle que o condutor terá sobre o veículo. Por isso, é preciso diminuir a velocidade sob chuva intensa e ligar o ar-condicionado, garantindo a visibilidade. “Se for preciso, estacione em um local seguro até o tempo melhorar, mas não pare no acostamento”, afirma.

Confira abaixo dicas de segurança de trânsito:

– Conheça as leis de trânsito e coloque-as em prática;
– Respeite os limites de velocidade;
– Respeite a sinalização;
– Utilize o cinto de segurança;
– Em caso de neblina, use farol baixo;
– Ao mudar de faixa, utilize as setas de sinalização e realize a manobra com calma;
– Mantenha sempre distância segura dos outros veículos;
– Não fale nem mexa no celular ao dirigir;
– Nunca dirija sob os efeitos de substâncias como álcool e drogas.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

IMSA: Derani vai em busca de mais um pódio neste domingo em Mid-Ohio

Brasileiro destaca características difíceis do traçado, mas segue confiante e embalado, ap…