Empresas são parceiras no desenvolvimento de soluções de IoT (Internet das Coisas) na Indústria 4.0.

O BMW Group e a Microsoft anunciaram em Hanover (Alemanha) uma parceria estratégia e de longo prazo para o aumento de eficiência e produtividade na indústria automotiva e de manufatura em geral, por meio do desenvolvimento de tecnologias e soluções que enfrentem os atuais desafios da indústria e pavimentem o caminho para o maior uso da Internet das Coisas (Internet of Things, ou IoT, na sigla em inglês) no setor industrial.

O objetivo é otimizar a produção, reduzindo o tempo e aumentando a eficiência, por meio da Plataforma de Manufatura Aberta (Open Manufacturing Platform, ou OMP, na sigla em inglês), um sistema de tecnologia aberta que agregar uma comunidade industrial cujos membros podem contribuir com soluções que serão compartilhadas entre os seus participantes.

Hospedada na plataforma de nuvem Microsoft Azure Industrial IoT, a Plataforma de Manufatura Aberta fornece aos membros uma arquitetura de referência com componentes de código aberto baseados em padrões industriais. Assim, além de facilitar a colaboração, esse método desbloqueia e padroniza modelos de dados que permitem cenários analíticos e de aprendizado de máquinas – dados estes tradicionalmente gerenciados em sistemas fechados. Usando como referência os dados de código aberto, os membros da comunidade e outros parceiros poderão desenvolver seus próprios serviços e soluções, mantendo o controle e sigilo sobre os seus dados.

Atualmente com mais de três mil máquinas, robôs e sistemas de transporte autônomos conectados à plataforma BMW Group IoT, o BMW Group planeja contribuir para a comunidade OMP. Um exemplo é o uso pela empresa de sua plataforma IoT para a segunda geração de seus sistemas de transporte autônomo na fábrica do BMW Group em Regensburg, na Alemanha, um de seus 30 locais de produção e montagem ao redor do mundo. Isso permitiu ao BMW Group simplificar os seus processos logísticos por meio de uma coordenação central do sistema de transporte, criando uma maior eficiência logística. No futuro, essa e outras soluções, como feedback digital, gerenciamento da cadeia de suprimentos digital e manutenção preditiva serão disponibilizados e, de fato, desenvolvidos ainda dentro da comunidade OMP.

A OMP é o próximo passo na parceria do BMW Group com a Microsoft no compromisso mútuo com a inovação e a criação de oportunidades para o sucesso coletivo em toda a indústria. Por meio da OMP, os membros da comunidade terão mais oportunidades para desvendar o potencial de seus dados, permitindo que eles criem e integrem soluções industriais com mais rapidez, segurança e, por sua vez, se beneficiem da contribuição e do aprendizado das outras empresas.

A comunidade OMP está sendo formada agora, e até o final de 2019 se espera que esteja em operação com cerca de 4 a 6 participantes e um mínimo de 15 casos de uso implementados em ambientes de produção selecionados. Os dois membros iniciais, Microsoft e BMW Group, buscarão incentivar outros fabricantes e fornecedores, incluindo empresas de fora da indústria automotiva, a se unirem à comunidade global.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Leitor de sinais de trânsito da Ford Ranger 2020 é tecnologia inédita em picapes

O sistema alerta o motorista sobre os limites de velocidade, usando duas câmeras e process…