Nova tecnologia do BMW Group completa um intenso programa de ajustes nos sistemas de tração e suspensão – motores elétricos, tração nas quatro rodas, tecnologia de carregamento, baterias de alta tensão e teste de estresse de gerenciamento de calor em condições extremamente frias

Um ano antes do lançamento no mercado, o processo de desenvolvimento em série do BMW iX está avançando conforme o programado. Após a apresentação do projeto final do BMW iX no #NEXTGen 2020 em Munique, os protótipos estão prontos para os testes finais de inverno na região norte da Escandinávia. O teste de resistência, realizado em condições climáticas extremas além do Círculo Polar Ártico, serve, entre outras coisas, para o ajuste fino dos sistemas de tração e suspensão. Além disso, os motores elétricos, o sistema de tração nas quatro rodas, a tecnologia de carregamento, as baterias de alta tensão e o gerenciamento de calor são submetidos a um teste exigente em temperaturas abaixo de zero.

Os ajustes e test drives levam os protótipos do BMW iX até as regiões mais ao norte da Europa. Em estradas desertas na Lapônia finlandesa e no Cabo Norte na ilha norueguesa de Magerøya, tanto a tecnologia BMW eDrive de quinta geração quanto os sistemas de controle de suspensão têm de provar sua funcionalidade e confiabilidade em condições climáticas particularmente exigentes. Nestes processos, os engenheiros avaliam, acima de tudo, a interação entre os sistemas de tração e suspensão em superfícies com baixo coeficiente de atrito.

O BMW iX é o primeiro modelo baseado em um novo conceito de construção modular e escalonável do BMW Group com foco no futuro. Ele foi concebido desde o início para a mobilidade puramente elétrica, com uma construção leve e inteligente, e características aerodinâmicas otimizadas. O veículo estabelece novos padrões de eficiência no segmento de SAVs (Sports Activity Vehicle). Abriga dois motores elétricos que, juntos, geram uma potência máxima de mais de 370 kW / 506 cv de acordo com os cálculos atuais. O objetivo do desenvolvimento como um todo é atingir um consumo de energia combinado extremamente baixo, de menos de 21 kWh por 100 quilômetros no ciclo de teste WLTP, e um alcance de mais de 600 quilômetros, também de acordo com WLTP.

Durante os testes de inverno, os componentes da tecnologia BMW eDrive enfrentam desafios bastante singulares. As baterias de alta voltagem e a tecnologia de carregamento são submetidas a testes de campo em temperaturas externas extremamente baixas. Da mesma forma, displays que informam o nível de carga, faixa e estado de operação, bem como o sistema de gerenciamento de calor – que garante constantemente a temperatura ideal de operação do sistema de acionamento e das baterias de alta tensão – demonstram sua resistência a temperaturas extremas abaixo de zero.

Em um curto espaço de tempo, o desafiador programa de testes exige mais dos protótipos BMW iX do que os futuros modelos terão de suportar durante todo o seu ciclo de vida. A avaliação destes resultados e o ajuste fino de todos os componentes de tração e suspensão abrirão o caminho para o lançamento de uma nova era do puro prazer de dirigir.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nomeação da Equipe Executiva Sênior para comandar a Stellantis

A Stellantis estabelece uma governança eficiente desde o primeiro dia (“Dia Um”) com a nom…