Cinco das 50 cidades mais congestionadas do mundo estão localizadas no Brasil. É o que aponta o levantamento TomTom Traffic Index, elaborado pela empresa holandesa TomTom, a concorrente do Waze, que oferece informações do trânsito em tempo real. 
O Rio de Janeiro (RJ) é a 3ª cidade com pior trânsito no ranking mundial e a primeira no Brasil. Os cariocas perdem, em média, 47% mais tempo nos deslocamentos devido ao fluxo parado do que levariam se os veículos estivessem trafegando na velocidade das vias. Ao final do ano, são 165 horas gastas no trânsito.  
Depois do Rio, vêm Salvador (BA) e Recife (PE), onde o tempo dos deslocamentos são, em média, 43% maiores; Fortaleza (CE), com aumento de 33% e São Paulo (SP), em que os motoristas perdem 29% mais tempo nos trajetos em razão dos engarrafamentos.  
Essa situação impacta diretamente na qualidade de vida das pessoas e na economia das cidades, já que há perda de produtividade e aumento de gastos com transporte. 
Para o diretor da NTU (Associação Nacional de Transportes Urbanos) Marcos Bicalho, os municípios precisam priorizar o transporte coletivo, para que as pessoas possam optar cada vez menos pelo carro e cada vez mais por outras formas de mobilidade. “É fundamental avançar nas medidas de prioridade de transporte coletivo porque não tem outra saída. As cidades não suportam essa quantidade de automóveis circulando do ponto de vista econômico, ambiental, de acidentes de trânsito”, diz ele. 
A redução de espaço para os veículos e ampliação das alternativas de outras formas de deslocamento é defendida pela maioria dos brasileiros. Um levantamento encomendado pelo Greenpeace, realizado em 132 municípios, aponta que 74% são favoráveis a esse tipo de medida se isso for favorecer quem anda de ônibus, de bicicleta e a pé. 
Fonte: Agência CNT de Notícias
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Mercedes-Benz GLB chega ao mercado brasileiro com versatilidade e funcionalidade

GLB 200 Launch Edition completa o portfólio de SUVs da Mercedes-Benz, que foi renovado nos…