Como parte das comemorações pelos 165 anos de Teresina, o Governo do Estado inaugurou, por meio da Secretaria de Estado dos Transportes (Setrans), as obras que fazem parte do complexo da ponte JK, que liga o Centro à zona Leste da capital.
A solenidade foi realizada na manhã desta segunda-feira (14), e contou com as presenças de várias autoridades, dentre elas, o Senador Ciro Nogueira, a vice-governadora Margarete Coelho, o prefeito Firmino Filho, dentre outras. 
Para o Governador Wellington Dias, as obras representam um ganho expressivo para a capital. “A obra que está sendo entregue hoje é de grande importância para Teresina. A terceira ponte, ou ponte do Meio, vai desafogar o trânsito e melhorar a trafegabilidade na região central da cidade, melhorando a qualidade de vida das pessoas. Já a praça será uma opção a mais para a cultura local, transformando um espaço, antes degradado, em um ambiente agradável e aconchegante, com um anfiteatro e um mirante para o rio”, afirmou o Governador, enfatizando que a ideia é transformar os vãos das pontes da capital em ambientes urbanizados, que passem a servir para a realização de atividades socioculturais.
O secretário dos Transportes, Guilhermano Pires, destacou a importância das obras para a cidade. “É com imensa felicidade que entregamos este importante equipamento público para a nossa capital. A partir de agora nós temos mais duas faixas de rolamento na ponte do meio, que a priori, deverão ser dedicadas ao trafego em geral, mas com o passar do tempo e a implantação dos corredores de ônibus, deverão ser dedicadas exclusivamente ao transporte público. Além da ponte do Meio e do passeio central, estamos entregando uma belíssima praça cultural, que vai servir para a realização de shows e eventos, além de um mirante que vai proporcionar um novo olhar para o rio Poti.”, afirmou o gestor, enfatizando a homenagem pelos 165 anos de Teresina.
 
O prefeito Firmino Filho também falou da importância das obras. “A nova ponte vai agilizar aquele que é o maior corredor de tráfego do transporte público e individual de Teresina, que é a avenida Frei Serafim. Já a praça, foi uma ideia criativa, que vai diversificar ainda mais as opções da avenida Marechal Castelo Branco, que é um espaço voltado ao esporte e que agora passa a contar também com um espaço cultural, para que a comunidade possa se expressar”, destacou o prefeito.
A partir de agora, o complexo da ponte Juscelino Kubitschek conta com 5 faixas de tráfego no sentido Centro-Leste, um passeio central para pedestres e ciclista, interligando os canteiros centrais das avenidas Frei Serafim e João XXIII, mais uma praça sob a ponte JK. Ainda esta semana devem ser iniciadas as obras da segunda praça debaixo da ponte, com previsão de entrega para o final deste ano.
As obras da reestruturação da Ponte JK custaram R$ 31.686.491,73, incluindo a construção da ponte do Meio, construção dos acessos, reforma da ponte JK e implantação do passeio central. Já a construção das duas praças sob a ponte JK está orçada em R$ 1.696.978,11, com recursos do Governo do Estado, por meio da Setrans-PI.
Homenagem
A primeira praça do complexo da ponte JK ganhou o nome de Francisco das Chagas de Araújo Costa Júnior, em homenagem a um dos idealizadores do coletivo Salve Rainha, falecido em um acidente de trânsito em 2016. A praça conta com um anfiteatro com capacidade para cerca de 80 pessoas, um mirante para contemplação do rio Poti e um ponto de acesso à internet, através do projeto Piauí Conectado, com capacidade para até 300 acessos, simultaneamente. 
Nesta segunda-feira (14), a praça cultural da ponte JK receberá o primeiro evento, intitulado “A Rainha da Invisibilidade”. O evento terá início a partir das 18h.
Revitalização e Modernização do Metrô de Teresina
Na oportunidade, o Governo do Estado, por meio da Setrans, assinou o contrato para aquisição de VLT (Veículos Leves Sobre Trinos) para o Metrô de Teresina. Inicialmente, serão adquiridas três unidades, compostos por três carros cada. O valor para aquisição dos VLTs está orçado em R$ 46.050.000,00 com recursos provenientes de contrato de financiamento, firmado entre a Caixa Econômica Federal e o Governo do Estado do Piauí, através da Setrans.
Os equipamentos deverão ser entregues conforme cronograma apresentado à Setrans, sendo o prazo máximo de dez meses para a primeira unidade e dois meses adicionais para cada unidade subsequente.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Você sabe qual a melhor maneira de transportar seu cachorro em viagens?

*Por René Rodrigues Júnior Dezembro é o mês das festas, das confraternizações, do verão e …