Home Notícias Congresso da Fenabrave discute medidas para o aquecimento do mercado automotivo

Congresso da Fenabrave discute medidas para o aquecimento do mercado automotivo

Comentários desativados em Congresso da Fenabrave discute medidas para o aquecimento do mercado automotivo

 

 
Curitiba é sede do maior evento do setor automotivo da América Latina, o 24º Congresso & ExpoFenabrave, que teve início nesta quarta-feira (13) e ocorre até 14 de agosto. O encontro foi oficialmente inaugurado com a palavra do presidente da Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição Automotiva –, Flávio Meneghetti. “O segmento automotivo é de extrema importância para a economia nacional, pois movimenta 5,7% do PIB e compõe 400 mil empregos diretos”, disse.
 
Com essa análise, Meneghetti defendeu que, mesmo diante do atual momento de retração do mercado, o setor possui grande potencial para retomar o crescimento. “Como consequência da baixa atividade econômica, experimentamos uma queda no varejo. Em volume, retornamos ao número de 2010. São mais marcas em um mercado menor. Por isso, é preciso renovar as estratégias de negócios para colocarmos em prática o tema desse Congresso, que é a ‘Superação’”, lembrou.
 
O presidente executivo da Fenabrave e coordenador geral do evento, Alarico Assumpção Jr., também destacou o tema escolhido para esta edição. “Estamos certos de que o nosso segmento possui um grande potencial, por isso, a partir desse Congresso e Exposição, acreditamos que novas ideias serão geradas para impulsionar os negócios e frear a retração”, afirmou.
 
Já o presidente da Anfavea – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores -, Luiz Moan, lançou um desafio aos representantes do mercado automotivo. “Precisamos nos unir como setor privado para defender o nosso mercado. Se nós queremos um mercado forte, precisamos trabalhar juntos”, defendeu.
 
O executivo fez também um balanço dos resultados obtidos pelo segmento no primeiro semestre, que apresentou retração, e lembrou, ainda, que entre 2012 e 2013 o mercado recebeu investimentos de mais de R$ 75 bilhões. “Esta é a prova da confiança da indústria no futuro do mercado brasileiro”, defende Moan.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Congresso da Fenabrave discute medidas para o aquecimento do mercado automotivo

Comentários desativados em Congresso da Fenabrave discute medidas para o aquecimento do mercado automotivo

 

 
Curitiba é sede do maior evento do setor automotivo da América Latina, o 24º Congresso & ExpoFenabrave, que teve início nesta quarta-feira (13) e ocorre até 14 de agosto. O encontro foi oficialmente inaugurado com a palavra do presidente da Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição Automotiva –, Flávio Meneghetti. “O segmento automotivo é de extrema importância para a economia nacional, pois movimenta 5,7% do PIB e compõe 400 mil empregos diretos”, disse.
 
Com essa análise, Meneghetti defendeu que, mesmo diante do atual momento de retração do mercado, o setor possui grande potencial para retomar o crescimento. “Como consequência da baixa atividade econômica, experimentamos uma queda no varejo. Em volume, retornamos ao número de 2010. São mais marcas em um mercado menor. Por isso, é preciso renovar as estratégias de negócios para colocarmos em prática o tema desse Congresso, que é a ‘Superação’”, lembrou.
 
O presidente executivo da Fenabrave e coordenador geral do evento, Alarico Assumpção Jr., também destacou o tema escolhido para esta edição. “Estamos certos de que o nosso segmento possui um grande potencial, por isso, a partir desse Congresso e Exposição, acreditamos que novas ideias serão geradas para impulsionar os negócios e frear a retração”, afirmou.
 
Já o presidente da Anfavea – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores -, Luiz Moan, lançou um desafio aos representantes do mercado automotivo. “Precisamos nos unir como setor privado para defender o nosso mercado. Se nós queremos um mercado forte, precisamos trabalhar juntos”, defendeu.
 
O executivo fez também um balanço dos resultados obtidos pelo segmento no primeiro semestre, que apresentou retração, e lembrou, ainda, que entre 2012 e 2013 o mercado recebeu investimentos de mais de R$ 75 bilhões. “Esta é a prova da confiança da indústria no futuro do mercado brasileiro”, defende Moan.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Fundação Grupo VW lança plataforma sobre mobilidade urbana

A plataforma “Cidadania em Movimento” oferece cursos e ferramentas online e gratuitos rela…