O Departamento Estadual de Trânsito do Piauí (Detran-PI), responsável por acompanhar o índice de aprovação dos alunos de autoescolas de todo o estado, passará a exigir a média de 60% em aprovação nos exames teóricos e práticos.  As autoescolas que não atingirem a média serão descredenciadas pelo órgão.
De acordo com Venâncio Cardoso, diretor de Habilitação do Detran-PI, a medida serve como um incentivo para que as autoescolas busquem melhorias na estrutura e no ensino e, consequentemente, formem melhores condutores.
“As escolas que perdurarem o ano todo com o índice abaixo do esperado podem ter dificuldades na hora da renovação e até perder o credenciamento. O Detran vai fiscalizar para saber o motivo do baixo índice de aprovação”, explica Venâncio Cardoso.
O Detran vai intensificar também a fiscalização nas autoescolas. “Nossa meta é fazer com que condutor tenha uma boa formação. Para isso, a autoescola necessita ter instrutores qualificados, veículos novos e em bom estado, uma boa estrutura física e acessibilidade, e que o aluno cumpra realmente a carga horária”, afirma o diretor de Habilitação do órgão.
Venâncio Cardoso acrescenta que os condutores formados em uma autoescola que possui esse itens estará capacitado para tornar o trânsito mais harmônico, evitando assim acidentes. “Todos esses indicadores são os principais requisitos para que o número de aprovação aumente e isso gera também melhores condutores, resultando em um trânsito mais seguro”, ressalta o diretor.
Segundo o diretor de Habilitação, um levantamento inicial apontou que muitas autoescolas do estado estão com índices abaixo da média. “Inicialmente, a gente vai chamar os diretores de ensino e diretores gerais para que eles proponham ao órgão um planejamento de como melhorar esse índice de aprovação. A partir do mês de agosto é que vamos implantar efetivamente e divulgar o ranking das autoescolas e exigir o cumprimento dessa medida”, finaliza.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Pick-up Peugeot Landtrek é apresentada na América Latina

No Brasil, a comercialização ocorrerá em uma segunda etapa, seguindo a estratégia estabele…