A Volkswagen oferecerá neste fim de semana (27 e 28) uma oportunidade única para os consumidores poderem testar, na prática, os atributos e tecnologias dos modelos da marca. O Driving Experience 2016, que ocorre no condomínio Alto do Castelo Residencial, em Ribeirão Preto (SP). O Driving Experience faz parte de uma estratégia da marca para apresentar todo o seu portfólio de veículos, do up! ao Touareg, com unidades disponíveis para test drive, em todas as regiões de vendas do Brasil. A primeira etapa do Volkswagen Driving Experience 2016 ocorreu em Recife (PE).
Estações de testes
Arrancada – Trata-se de um exercício com o up! TSI, no qual dois convidados aceleram o modelo em uma reta. O objetivo é evidenciar a potência do motor 1.0 TSI e, ao mesmo tempo, destacar o equilíbrio do up! na frenagem de emergência, que conta de série com freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD).
 
Pro Solo – O Novo Gol será o destaque dessa estação. Para demonstrar a estabilidade do modelo e testar a destreza dos motoristas, teremos um circuito bem “travado” montado com cones, simulando curvas fechadas e pequenas retas. Monitores cronometrarão as passagens dos participantes e, a cada cone derrubado durante a prova, serão acrescentados cinco segundos ao tempo geral do participante.
 
Pro Active (Proteção proativa dos passageiros) – Um piloto profissional fará manobras bruscas com os modelos da família Golf  para mostrar o acionamento do sistema Pro Active. Esse importante recurso de segurança detecta uma situação de potencial acidente – como pelo início de uma forte frenagem por meio da ativação de um assistente de frenagem – e automaticamente pré-tensiona os cintos de segurança do motorista e do passageiro da frente para assegurar a melhor proteção possível pelos airbags e sistema de cintos de segurança. Além disso, quando uma situação de condução altamente crítica e instável é detectada as janelas laterais (deixando uma pequena abertura) e o teto solar são fechados. Resultado: mais segurança.
 
Test drive – Todos os modelos do portfólio estarão à disposição. Em um trajeto demarcado por cones, o cliente terá a oportunidade de escolher até dois carros para dirigir. Em cada veículo haverá um instrutor para, passar todos os detalhes e informações técnicas dos produtos Volkswagen.
Park Assist 2.0 – Tiguan e Golf serão utilizados para demonstrar o sistema de assistência ao estacionamento, que facilita parar não apenas em vagas paralelas à via, mas também de ré em vagas perpendiculares. Além disso, o Park Assist 2.0 também é equipado com função de frenagem e saída da vaga de estacionamento. O sistema pode ser ativado a até 40 km/h pela pressão de um botão no console central. Utilizando o indicador de direção (seta), o motorista seleciona de que lado quer estacionar o carro. Se o Park Assist detectar uma vaga com tamanho suficiente, usando sensores de ultrassom, (40 cm de espaço para manobra à frente e atrás do carro são suficientes), o estacionamento assistido pode ter início: tudo o que o motorista precisa fazer é engatar a marcha à ré e usar os pedais do acelerador e freio. O sistema controla a direção automaticamente. O motorista é orientado também por “bipes” e informações visuais no display.
 
Iron Track – Uma estrutura especialmente montada para testar a robustez e a tecnologia da picape Amarok, uma das mais avançadas de seu segmento. O primeiro exercício ocorre em uma rampa, demonstrando os ângulos de entrada e de saída, além do amplo vâo livre da picape. Neste exercício, é testado também o assistente de partida em rampa (HHC), recurso que, em aclives acima de 5%, mantém o veículo freado por até 2 segundos, após o motorista aliviar o pedal do freio. Os freios são liberados progressivamente durante a aceleração, permitindo a partida do veículo com mais conforto e tranquilidade em rampas. Na estação Iron Track também há um segundo exercício, que faz com que duas rodas da Amarok fiquem suspensas, mostrando a eficiência da tração 4MOTION, a rigidez torcional da carroceria e o funcionamento do bloqueio do diferencial.
Golf GTE
Também está em exposição no Driving Experience o Golf GTE. O modelo híbrido do tipo plug-in é a quinta opção de motorização oferecida para o Golf no mundo, juntando-se às versões a gasolina, diesel, gás natural comprimido e totalmente elétrica.
Segundo a norma NEDC, o Golf GTE pode rodar 100 km com 1,5 litro de combustível (66,66 km/l) e tem autonomia, em modo totalmente elétrico, de até 50 quilômetros. A autonomia total chega a até 939 quilômetros.
 
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nissan comemora 20 anos de uma história de sucesso no Brasil

Da importação de carros à fabricante nacional de automóveis, marca consolida sua presença …