Home Notícias Em ônibus Mercedes-Benz, vacinação contra a Covid-19 supera 15.000 doses aplicadas

Em ônibus Mercedes-Benz, vacinação contra a Covid-19 supera 15.000 doses aplicadas

Comentários desativados em Em ônibus Mercedes-Benz, vacinação contra a Covid-19 supera 15.000 doses aplicadas

Dois ônibus da marca foram cedidos para essa ação: um modelo rodoviário circula por bairros de Maceió (AL) e um urbano que vem percorrendo cidades mineiras do Vale do Rio Doce e do Norte do Estado

Os dois ônibus Mercedes-Benz que foram doados à Cruz Vermelha Brasileira (CVB) para a campanha de vacinação contra a Covid-19, estão acelerando o ritmo de imunização nas comunidades mais vulneráveis do País. Em seu primeiro mês, a ação com os dois veículos que foram transformados em unidades móveis de vacinação já superou a meta de atendimentos, ultrapassando 15 mil doses aplicadas em Alagoas e Minas Gerais.

Pontos de partida: Alagoas e Minas Gerais

O modelo rodoviário O 500 R doado pela Mercedes-Benz está baseado em Maceió, capital de Alagoas, desde o início de junho, circulando por vários bairros da cidade. Até o final de julho, estará a serviço da população local, devendo seguir depois para o Rio Grande do Norte e o Ceará.

Já o ônibus urbano OF 1519 está percorrendo várias cidades mineiras, entre elas Governador Valadares, São Pedro do Suaçuí, Resplendor e Conselheiro Pena, no Vale do Rio Doce, além de Lontra e Brasília de Minas, no Norte do Estado. Esta unidade móvel seguirá para o estado do Rio de Janeiro a partir de agosto.

Os dois ônibus irão percorrer outros estados brasileiros para aumentar a capilaridade do atendimento, apoiados também por uma Van Mercedes-Benz de 8 lugares, que será utilizada pelas equipes da CVB durante todas as etapas do projeto.

Das mais de 15.000 doses já registradas, cerca de 54% foram aplicadas na unidade móvel do ônibus rodoviário e 46% no modelo urbano. 54% das pessoas vacinadas são mulheres e 46% homens. Mais de 47% são da faixa etária de 50 anos e 35% da faixa de 40 anos. Aproximadamente 86% receberam a primeira dose da vacina, 1% a segunda dose e 13% a dose única.

Essa campanha de vacinação da Cruz Vermelha Brasileira contribui com o Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde, além de envolver outras iniciativas de prevenção e promoção da saúde e de enfrentamento à pandemia do coronavírus.

Participação de parceiros importantes viabiliza o projeto

Assim como ocorreu com as 8 carretas da saúde, puxadas por caminhões Mercedes-Benz, esse projeto com a Cruz Vermelha Brasileira também é fruto do apoio do Ministério Federal de Cooperação Econômica e Desenvolvimento da Alemanha (BMZ), via DEG/KfW, que contribuiu com 170 mil Euros para a transformação dos dois ônibus.

Com suporte oferecido pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha de São Paulo (AHK São Paulo), a participação do governo alemão no projeto de Unidades Móveis de Saúde é realizada por meio do develoPPP.de, um programa do BMZ que, entre diversas ações globais, destina recursos para programas em países emergentes e em desenvolvimento com foco em questões sociais, ambientais e econômicas.

As transformações dos ônibus em unidades de vacinação ficaram a cargo da Eco X, empresa especializada do setor. A Elber Medical forneceu as câmaras de conservação das vacinas e a Sunew, os painéis solares que garantem energia para as geladeiras de vacinas (adesivos no teto do veículo com a inovadora tecnologia OPV para o modelo rodoviário).

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Stellantis tem mudança na gestão executiva

A Stellantis anuncia que Mike Manley deixará seu cargo como Chefe das Américas da Stellant…