Complexo Industrial dobra número de carros produzidos nos últimos 16 meses.

Em menos de cinco anos de operação, a Nissan alcançou os 300 mil veículos produzidos no Complexo Industrial de Resende. Um Nissan Kicks foi o responsável pela marca histórica. Inaugurada em abril de 2014, a unidade do Sul fluminense produz o crossover Nissan Kicks e os compactos March e Versa.

Atingir a marca de 300 mil veículos produzidos demonstra a maturidade do Complexo Industrial de Resende. Em setembro de 2017, cerca de três anos e meio após o início das operações, a fábrica do sul fluminense chegou aos 150 mil carros produzidos. Para alcançar a marca atual, o dobro daquela, a Nissan precisou de apenas 16 meses.

Mais que atender às demandas do mercado brasileiro e as necessidades do consumidor local, o Complexo também é um importante centro de exportações para toda a América Latina. Unidades produzidas em Resende são exportadas para diferentes mercados, como Argentina, Bolívia, Chile, Costa Rica, Panamá, Peru, Paraguai e Uruguai. A fábrica de Resende é a primeira da Nissan na América Latina, operação que conta também desde julho de 2018 com a fábrica de picapes de Santa Isabel, em Córdoba, na Argentina, onde é fabricada a icônica Nissan Frontier.

“Seguimos um altíssimo padrão japonês de qualidade, e o esforço de todas as equipes se reflete no sucesso de nossa marca. Nossa fábrica é um dos pilares que sustentam o crescimento da Nissan na América Latina, e estamos cumprindo nossos objetivos. Chegar aos 300 mil carros produzidos em Resende reforça ainda mais o compromisso da Nissan com o país e com a região”, disse Sergio Casillas, vice-presidente de Operações de Manufatura da Nissan América Latina.

Complexo Industrial de Resende

O Complexo Industrial de Resende é a primeira fábrica 100% Nissan no Brasil. Os primeiros frutos foram o compacto March e o motor 1.6 16V flexfuel, fabricados sob o alto padrão japonês, cuja produções iniciaram-se em 2014. Desde então, a unidade não parou de acelerar.

Menos de um ano após o início das atividades, a Nissan começou a produzir também o motor 1.0 12V de três cilindros e o sedã compacto Nissan Versa (abril de 2015). Em abril de 2017, o Complexo iniciou a produção do crossover compacto Nissan Kicks, um produto criado para ser global.

O Complexo Industrial de Resende responde por um ciclo de produção completo. As atividades na unidade vão desde a área de estamparia até as pistas de testes, passando pela chaparia, pintura, injeção de plásticos, montagem e inspeção de qualidade, além da fábrica de motores.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Groupe PSA inicia produção do Novo Peugeot 2008 em Porto Real

Lançamento é um dos 16 programados na região até 2021 em seu plano “Push to Pass” e reforç…