Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Considerado um dos mais bem-sucedidos programas de incentivo ao desenvolvimento acadêmico no Brasil, o Prêmio de Educação contempla filhos de empregados das empresas.

A Fiat Chrysler Automóveis (FCA) e CNH Industrial realizaram nesta semana a solenidade da 22ª edição do Prêmio de Educação, com o reconhecimento de 131 estudantes, filhos e dependentes de empregados, que se destacaram por seu desempenho ao longo do Ensino Médio, Técnico e Superior. A cerimônia aconteceu no Teatro do Centro Cultural Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte, e reuniu os estudantes premiados, seus familiares e diretores da FCA e da CNH Industrial.

Os formandos do Ensino Médio receberam prêmio de R$ 4 mil cada um. Os estudante de curso superior receberam R$ 8 mil. Desde sua primeira edição, em 1997, mais de 2 mil estudantes já foram premiados. O valor total acumulado no período em prêmios é de aproximadamente R$ 10 milhões.

O presidente da FCA para a América Latina, Antonio Filosa, observou que o prêmio não é uma competição. “Este prêmio é, acima de tudo, um reconhecimento a tudo aquilo que os estudantes fizeram na vida escolar. É um estímulo para que façam mais nos anos que virão”, acrescentou Filosa, destacando o mérito dos estudantes, a importância de suas famílias no processo educacional e o trabalho dos professores.

“Com essa premiação, temos também como objetivo instigar a reflexão da sociedade em que estamos inseridos sobre a importância de fomentar a busca pelo conhecimento para formarmos cidadãos brasileiros cada vez mais preparados, críticos e defensores de suas próprias ideias”, completou o presidente da CNH Industrial para a América Latina, Vilmar Fistarol.

Eglys Gabriela, de 18 anos, cujo pai trabalha no Polo Automotivo Jeep, em Pernambuco, discursou representando os premiados do Ensino Médio. Ela, que já está estudando Engenharia Elétrica da Universidade de Pernambuco, afirmou: “A educação é um instrumento impulsionador da transformação social. Ela é considerada uma via para a mobilidade social e a chave de progresso individual e na vida em sociedade. Incentivar a educação é primordial, pois a jornada de estudos não é tão simples assim”. Ela compartilhou também um conselho sempre repetido pela mãe: “Mire a lua, se você errar, ao menos acertará uma estrela”.

Ana Paula Vargas Garcia foi a oradora em nome dos premiados do Ensino Superior. Ela já havia conquistado o prêmio em 2011, quando estava no Ensino Médio, com a particularidade de sempre ter estudado em escolas públicas. O estímulo do prêmio levou-a a perseguir o sonho de ser pesquisadora. Graduou-se em Biomedicina e amadureceu ao perceber que o trabalho em equipe é essencial em tudo o que fez e alcançou. A equipe, em sua definição, é formada pelos colegas, os professores e a família, cujo incentivo sempre foi decisivo. Ela fez um pedido: “Sejam incentivadores de pessoas e de ideias em qualquer posição que estejam. Incentivem a educação. Com certeza, vocês farão a diferença na vida de alguém”.

Para a seleção dos alunos, uma comissão avaliou os históricos escolares e calculou a nota média obtida ao longo dos cursos. Considerado um dos mais bem-sucedidos programas de incentivo ao desenvolvimento acadêmico no Brasil por meio de iniciativa privada, o Prêmio de Educação contempla os filhos de empregados das unidades da FCA e CNH Industrial em diversas cidades, como Belo Horizonte, Contagem, Betim, Nova Lima (MG), Curitiba (PR), Goiana (PE), Sorocaba, Hortolândia, Mauá, São Bernardo do Campo (SP), entre outras.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias

Veja também

Fundação Volkswagen lança o Moveaê, seu novo jogo de mobilidade urbana

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.Game está disponível para computa…