Empresa reduz em 16% emissões de CO2 nas fábricas da América Latina

Todas as plantas produtivas da Fiat Chrysler Automóveis (FCA) na América Latina conquistam Selo Ouro pela divulgação dos Inventários de Gases de Efeito Estufa (GEE). São 10 unidades, localizadas no Brasil e na Argentina, responsáveis pela produção de veículos, motores, transmissões, componentes, incluindo os centros de distribuição de peças da Mopar. O levantamento segue a metodologia do GHG Protocol, que é a ferramenta para quantificar e gerenciar as emissões de GEE, mundialmente utilizado por empresas e governos. No Brasil, o programa é realizado pelo Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas (FGV), que publica todos os inventários auditados na plataforma online www.registropublicodeemissoes.com.br.

“Receber o Selo Ouro é o reconhecimento do compromisso da FCA de reduzir as emissões geradas ao longo do processo produtivo, com total transparência. Desde 2017, utilizamos a metodologia reconhecida GHG Protocol, mas 2019 é um ano especial, pois nos tornamos membros do programa e todas as nossas unidades da América Latina foram contempladas”, afirma o gerente de Meio Ambiente, Saúde e Segurança do Trabalho da FCA para a América Latina, Neylor Bastos. Em todas as plantas, há um indicador de CO2e para acompanhamento mensal dos resultados. Entre 2017 e 2018, a empresa reduziu em 11% das emissões de CO2e os valores de 2019 já superam as expectativas. “No acumulado de janeiro a julho de 2019, a redução é de 16% na comparação com o mesmo período de 2018”, comemora Neylor Bastos.

Para reduzir as emissões, várias ações são implementadas, como aquisição de equipamentos de alto rendimento, instalação de sistemas inteligentes de eficiência energética e automação, entre outras. De acordo com a analista de Meio Ambiente da FCA, Amanda Leite, a capacitação dos funcionários é o diferencial que tem garantido a melhoria contínua dos resultados. São formados grupos de trabalho para identificar oportunidades e desenvolver projetos. A atenção está em todos os processos, nos mínimos detalhes. No Polo Automotivo Jeep, em Goiana (PE), a simples alteração da temperatura da água que resfria as pinças da Funilaria trouxe ganhos ambientais e 186 toneladas de CO2e deixaram ser emitidas anualmente.

Paralelo às ações para monitorar e reduzir as emissões, a FCA também avança em iniciativas rumo ao Carbono Neutro. “Para as emissões não possíveis de serem eliminadas, realizamos um plano para compensação, com o investimento proporcional de Créditos de Carbono em projetos do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo da ONU, o Certified Emission Reductions – CER, com reconhecimento mundial”, explica Amanda Leite. Em 2017, o Polo Automotivo Jeep foi pioneiro no setor automotivo e, hoje, outras cinco unidades neutralizam as emissões de CO2e.

Outro diferencial é o investimento em programas de proteção da biodiversidade e, consequentemente, de estoques de carbono. Na unidade de produção de motores em Campo Largo, Paraná, na área de 106 hectares de Floresta com Araucária, são mais de 50 diferentes espécies vegetais, algumas ameaçadas de extinção como o cedro rosa (Cedrela fissilis), além de 82 espécies de aves e seis espécies de mamíferos, entre elas o veado-catingueiro (Mazama gouzazoubira), citado no “Livro Vermelho da Fauna Ameaçada de Extinção no Paraná”. O local também abriga cinco nascentes preservadas.

No Polo Automotivo Jeep, em Goiana, a área que antes era ocupada pela monocultura da cana-de-açúcar está sendo totalmente reflorestada com mudas do bioma Mata Atlântica. A meta é alcançar até 2024 o plantio de 208 mil mudas, com a criação de 304 hectares de área verde e corredores ecológicos. Todas as mudas são produzidas em viveiro próprio, dentro do Polo Jeep. Nas áreas verdes também são realizadas atividades de educação ambiental com a participação de alunos da rede pública de ensino e parceiros.

Fotos: Leo Lara

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias

Veja também

Nova geração do HB20 chega a partir de R$ 46.490

Completamente renovado, modelo traz inédito motor 1.0 Turbo GDI com injeção direta de comb…