Grupo avançou com a construção da nova unidade em Detroit, nos Estados Unidos

A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) alcançou resultado recorde para um trimestre ao registrar resultado líquido ajustado antes de impostos (Ebit) de cerca de 2 bilhões de euros no período de julho a setembro, com margem de 7,2%. A empresa divulgou os dados hoje em seu relatório trimestral. Globalmente, a empresa comercializou 1,06 milhão de veículos no terceiro trimestre.

Os dois destaques da empresa em termos de desempenho foram as operações na América do Norte (Nafta) e na América Latina (Latam).

A operação latino-americana, a despeito da queda de vendas na Argentina, segundo principal mercado da região, gerou um resultado de 152 milhões de euros (Ebit ajustado), com expansão de 69% em comparação com igual período do ano anterior. A margem na região situou-se em 6,9%.

Ao divulgar o balanço, o CEO da FCA, Mike Manley, destacou o resultado operacional recorde obtido na América do Norte e citou várias ações estratégicas realizadas para melhorar o desempenho do grupo, como melhor gestão dos estoques na rede de distribuição, crescimento contínuo das vendas da marca Ram e alterações realizadas no portfólio de produtos como parte da estratégica para incrementar os resultados na Europa e na marca Maserati.

Além de ações focadas no mercado, o grupo avançou com a construção da nova unidade em Detroit, nos Estados Unidos, anunciou o plano para novos modelos elétricos Maserati e fortaleceu a rede de parcerias em serviços financeiros (com a Credit Agricole, para trabalhar com o FCA Bank na Europa) e mobilidade elétrica (com o Terna Group, para testar tecnologias V2G, veículo para rede).

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Peugeot revela picape Landtrek

As dimensões da caçamba constituem um elemento central da arquitetura e concepção desta pi…