Os financiamentos de veículos no Brasil em novembro somaram 538.860 unidades, sendo 268.906 unidades novas e 269.954 usadas. O volume representa uma queda de 6,9% em relação a outubro e de 2% na comparação com novembro de 2013. No acumulado entre janeiro e novembro, foram financiados 5,768 milhões de veículos, 5,9% inferior ante o mesmo período em 2013. Os números levam em consideração automóveis de passeio, motos e pesados.
 
O levantamento é da Unidade de Financiamentos da Cetip, que opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG), base integrada de informações que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil. O SNG impede que o processo de financiamento de veículos seja suscetível a fraudes sistêmicas.
 
"A média financiada de automóveis leves novos por dia útil cresceu 10% em novembro, na comparação mensal, enquanto os financiamentos de autos leves usados avançaram 5,3%. Apesar disso, o mercado ainda acumula uma queda de 10,6%, no período de janeiro a novembro de 2014, para unidades novas e de 0,5% para usadas", disse Marcus Lavorato, gerente de Relações Institucionais da Unidade de Financiamento da Cetip.
 
Os dados mostram que o volume financiado de automóveis leves de quatro a oito anos de uso apresentou um avanço de 7,2%, em relação a novembro de 2013, e totalizou 119 mil unidades financiadas – a única categoria com um desempenho positivo na comparação anual.
 
Neste mês, os financiamentos de automóveis leves usados apresentaram um crescimento de 0,4%, em relação a novembro de 2013, e somaram 248.985 unidades. No acumulado de 2014, os usados tiveram uma leve queda de 0,5% ante o mesmo período de 2013.
 
Nas modalidades de financiamento de veículos, entre autos leves, motos e pesados, o Crédito Direto ao Consumidor (CDC) se mantém como a opção mais utilizada pelos consumidores, com um total de 456 mil unidades financiadas em novembro. Apesar disso, considerando apenas os automóveis leves, o consórcio apresentou alta em relação às outras modalidades.
 
Em novembro, foram financiados 12 mil unidades de automóveis leves novos por meio de cotas de consórcio contempladas, um aumento de 9,1% na comparação anual. Já em relação aos autos leves usados, o crescimento é ainda mais significativo. Foram financiadas 18 mil unidades através do consórcio, representando uma alta de 20% ante o mesmo período de 2013.
 
No acumulado de janeiro a novembro, o consórcio de automóveis leves usados também mostrou um desempenho expressivo, com a alta de 20% nas unidades financiadas, em relação ao mesmo período de 2013, totalizando 201 mil unidades.
 
O prazo médio de financiamento por tempo de uso ficou praticamente estável, na comparação mensal, em todas as categorias, com exceção dos automóveis leves de quatro a oito anos de uso, que recuou de 43 para 42 meses em novembro.
 
Em relação a novembro do ano passado, os automóveis leves com mais de 13 anos foram os únicos que apresentaram um aumento no prazo médio de financiamento, de 37 para 38 meses.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

FCA apresenta promoções de Black Friday para suas marcas de lifestyle: fiatwear, Jeep Gear e Ram Store

fiatwear tem itens a partir de R$ 15,96 A FCA apresenta para essa Black Friday descontos i…