Fazer revisões regulares no motor, pneus, palhetas e ar-condicionado ajuda a enfrentar o período de calor e chuvas

Calor e chuvas fortes são características do verão que exigem alguns cuidados do motorista para garantir a segurança e preservar o veículo, principalmente quando é inevitavel transitar por pistas escorregadias e alagamentos. Confira as recomendações do supervisor do Campo de Provas da Ford em Tatuí, Robson Jardim, para rodar tranquilo.

Pneus – Além manter as revisões do veículo em dia e checar regularmente o nível do combustível, óleo e água, faça sempre uma verificação dos pneus. “Jamais rode com pneus carecas, pois ele perdem a tração, a capacidade de frenagem e de remover água da pista, o que favorece a aquaplanagem”, destaca o especialista.

Palhetas – Descobrir no meio de uma tempestade que os limpadores de para-brisa não funcionam direito e ficar sem visibilidade é um grave problema. “Evite isso verificando o estado das palhetas regularmente e troque-as se estiverem desgastadas. Aproveite para completar o reservatório de água do limpador”, diz Jardim.

Alagamentos – Em caso de chuva forte, considere adiar a saída ou estacionar em um local alto até ela passar. Mas se tiver de atravessar uma área alagada, veja qual é a sua profundidade. “Geralmente o nível seguro de água vai até a metade da roda, dependendo do tipo de veículo. O Ford Ka, por exemplo, tem uma altura máxima recomendada de 450 mm. No EcoSport, esse nível sobe para 550 mm e a Ranger atravessa até 800 mm de água”, explica.

Se o motor desligar no meio da área alagada, não tente religar, pois pode provocar um calço hidráulico – quando a água entra nos cilindros e impede que o motor gire, torcendo as peças internas. Ligue o pisca-alerta e reboque o carro para uma oficina. Após enfrentar um alagamento, faça uma revisão no carro para verificar se houve danos no sistema eletrônico ou na suspensão, freio e embreagem. “É recomendada também uma limpeza no sistema de ar-condicionado para evitar contaminação”, recomenda Jardim.

Ar-condicionado – Este é outro item importante no verão. Troque o filtro de pólen dentro do período recomendado para evitar o aparecimento de fungos e bactérias no sistema. “Depois de usar o ar-condicionado durante muito tempo, uma boa prática é desligá-lo alguns minutos antes de chegar ao seu destino, mantendo apenas a ventilação. Dessa forma, o próprio ventilador ajuda a secar o sistema, evitando acúmulo de umidade”, ensina.

Pintura – O sol forte também é um fator que agride a pintura do veículo, já que nem sempre é possível estacionar na sombra. Manter a carroceria limpa e encerada é uma forma de proteger o seu brilho. “Usar um protetor de para-brisa também ajudar a conservar o painel e o estofamento, além de amenizar a temperatura interna”, completa.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

FCA apoia ações de combate à Covid-19 no Brasil

FCA mobiliza expertise e estrutura industrial em programa de suporte no combate à Covid-19…