O sistema conta com sensores e dispara um alerta visual e sonoro ao detectar a possibilidade de acidente

A Ford apresentou na Europa uma tecnologia para ajudar a evitar um tipo de acidente que tem se tornado comum com o aumento do número de motos, bicicletas e patinetes nas ruas: a colisão causada pela abertura de porta de carros estacionados – ver o vídeo. O “alerta de abertura de porta” emite sinais visuais e sonoros para quem está dentro e fora do veículo ao detectar que esse movimento pode gerar um acidente.

O sistema funciona por meio de sensores já usados nos carros da Ford para detecção de pontos cegos e frenagem automática, analisando a aproximação de veículos tanto pelo lado do motorista como do passageiro quando uma porta é aberta. Ao detectar a possibilidade de uma colisão, ele soa um alarme e começa a piscar LEDs vermelhos instalados nas bordas do espelho retrovisor e na parte interna da porta, alertando quem passa.

Os engenheiros estão desenvolvendo também um mecanismo que impede temporariamente a abertura completa da porta do carro até o sistema identificar que não há ninguém no perímetro. O motorista tem a opção de desativar manualmente esse recurso, se necessário. A tecnologia está sendo testada para atender diferentes mercados, tanto com volante à direita ou à esquerda, assim como diferentes configurações de vias e faixas.

“Rodar em ruas movimentadas é um desafio diário de segurança para ciclistas e usuários de patinetes em grandes cidades de todo o mundo, que precisam desviar de portas abertas dos carros”, diz Friederike Philipsenburg, engenheiro de arquitetura de veículos da Ford Europa. “O alerta de abertura de porta é uma das maneiras que estamos estudando para melhorar as vias para todos, sejam usuários de duas ou quatro rodas.”

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

IMSA: Derani vai em busca de mais um pódio neste domingo em Mid-Ohio

Brasileiro destaca características difíceis do traçado, mas segue confiante e embalado, ap…