Aproveitando os bons ventos de democracia em Mianmar, país do sudeste asiático, antiga Birmânia, com uma economia em crescimento, alicerçada no petróleo, gás natural e pedras preciosas, além de ser um dos maiores produtores mundiais de arroz e papoula, a Ford acaba de anunciar que começa a oferecer seus produtos globais no primeiro showroom de serviço completo em Yangon, maior cidade do país, com o parceiro revendedor exclusivo, Capital Automotive Ltd., uma subsidiária do conglomerado Capital Diamante Star Group, líder em Mianmar.
 
Até o final do ano, a Ford planeja oferecer ao mercado de Myanmar  um showroom com seus carros globais e caminhões, importados das suas instalações industriais na Tailândia e América do Norte. Favorecida pelo histórico acordo com a Capital Automotive, a Ford será a primeira fabricante global a oferecer um completo atendimento aos clientes automotivos em Mianmar.
 
A instalação da primeira concessionária Ford está em fase de conclusão em Yangon – centro comercial e cidade mais populosa do país, onde vai oferecer um atendimento integrado de serviços e peças de reposição. Tanto o desenho como as operações da unidade estão totalmente alinhadas aos padrões mundiais da Ford.
A entrada da Ford em Mianmar reforça sua estratégia de crescimento global para a região da ASEAN, que representa uma população de 600 milhões de habitantes. Segundo a empresa, trata-se do último passo na agressiva expansão da Ford na região Ásia-Pacífico, com a vantagem da localização estratégica de Mianmar no cenário asiático, o que facilita uma eficiente logística de abastecimento desse novo mercado.
 
A linha de picapes F-Series e a nova Ford Ranger serão os primeiros modelos que chegarão a Mianmar. Com a oferta de veículos de classe mundial, a Ford também esta investindo na mão de obra local com a presença de técnicos especializados da empresa para ajudar, com recursos tecnológicos, no treinamento de todo o pessoal de vendas, atendimento e de serviço. Assim, a empresa pretende, desde já, moldar o futuro do mercado automotivo de Mianmar.
 
Mianmar – um grande desafio para a Ford
 
Um dos países menos conhecidos do mundo, com mais de 55 milhões de habitantes, entre Bangladesh, Índia, China e Laos, com uma dinastia militar no governo, desde 1988, só agora tomou o ritmo democrático com recentes eleições presidenciais.
Cerca de 90% da população, dividida em 135 grupos étnicos, pratica o budismo. Mianmar fica próxima ao Everest, grande destino turístico mundial.
 
Atualmente, a pressa dos militares em democratizar o país é para tirar o atraso de infra-estrutura em Mianmar escolhida para presidir a Asean (Associação das Nações do Sudeste Asiático), em 2014, uma vitória diplomática importante para um país que até o ano passado era tratado como “pária” internacional.
 
Agora, com a participação de diversas empresas multinacionais, como a China Mobile e Vodafone, as duas maiores operadoras de celular do mundo e a Ford, o mercado local tem grandes perspectivas de modernização e crescimento. 
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nissan comemora 50 anos da linha Z com o 370Z 2020

Edição especial do aniversário de 50 anos inspirada no lendário carro de corrida BRE 240Z …