Com o objetivo de produzir uma linha de caminhões na China, a Ford, dona de 30% da Jiangling Motors Corporation, deu início à construção de uma fábrica de motores para veículos comerciais e, assim, se candidatar a disputar esse importante segmento no mercado chinês.
 
O negócio só foi possível porque, nove meses atrás, a JMC adquiriu a Taiyan Changan Heavy Duty Truck Co. Ltda., que fabricava caminhões na província de Shanxi, no norte do país.
 
JMC investirá cerca de 60 milhões de dólares na nova fábrica de motores que terá capacidade anual, inicial, para produzir 10 mil unidades. Segundo John Lawler, Chairman e CEO da Ford China, o primeiro motor deverá sair da linha de montagem no segundo semestre de 2015.
 
A estratégia dos parceiros JMC/Ford, em relação à construção da fábrica de motores para caminhões, é impulsionar a expansão da produção de veículos comerciais, de ligeiros até os pesados. A obra marcará um novo capítulo no crescimento de Taiyuan, cidade de três milhões de habitantes e, aproximadamente, 2.500 anos de história, gerando novos empregos e aumentando a importância da região como pólo chinês na construção de caminhões.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Audi inicia testes do e-tron no Brasil

e-tron fará testes de autonomia e compatibilidade de carregamento elétrico O primeiro SUV …