Home Notícias Ford exibe primeiro Mustang GT “King Cobra” de nova geração com 600 cv

Ford exibe primeiro Mustang GT “King Cobra” de nova geração com 600 cv

Comentários desativados em Ford exibe primeiro Mustang GT “King Cobra” de nova geração com 600 cv

 

 
A Ford apresentou no SEMA Show, em Las Vegas, a maior feira de personalização de veículos do mundo, o conceito Mustang GT 2015 King Cobra com kits de personalização que elevam a sua potência para mais de 600 cv. O veículo é uma vitrine dos kits de performance da Ford Racing para o Mustang GT – "Drag Pack", "Handling Pack" e "Super Pack” supercharger – e exibe grafismos especiais na carroceria imitando a textura de pele de cobra.
 
"Na Ford Racing, gostamos de levar os carros ao seu limite", diz Jamie Allison, diretor da Ford Racing. "Isso é algo que temos feito há 113 anos e explica por que estávamos tão empolgados em pôr as mãos no novo Mustang 2015. O objetivo é mostrar aos fãs do Mustang como eles podem usar o catálogo de peças da Ford Racing para incrementar ainda mais esse veículo fantástico.”
 
O kit “Drag Pack” inclui semieixos reforçados e um subquadro traseiro com buchas de alta performance para melhorar a tração e transmitir o máximo de potência para as rodas sob aceleração pesada. O “Handling Pack” rebaixa o carro em cerca de 1 polegada, com molas dianteiras e traseiras encurtadas – sendo as molas dianteiras em estruturas pré-montadas –, além de um kit de amortecedores traseiros e barra estabilizadora.
 
\"\"
 
O componente chave do “Super Pack” é um supercharger 2.3 L Twin Vortices Series (TVS), desenvolvido em conjunto pela Ford Racing e a ROUSH Performance. O conjunto inclui um sistema de transmissão por correia, coletor de admissão, corpo de acelerador eletrônico, sistema de admissão de ar, injetores e linha de combustível de alto fluxo, sistema completo de intercooler ar–líquido e calibração de alto desempenho feita por computador pela Ford Racing.
 
A Ford Racing testou uma versão inicial do Mustang GT com o pacote King Cobra no autódromo Milan Dragway, em Michigan, e o carro mostrou um desempenho impressionante, fazendo um quarto de milha em 10,97 segundos.
 
A Ford Racing escolheu o nome King Cobra para o pacote devido à sua longa associação com veículos Ford de alto desempenho. A denominação foi usada pela primeira vez por Carroll Shelby, em 1963, para os carros de corrida Cooper Monaco que construiu com motor Ford V8 de 289 polegadas cúbicas.
 
A Ford usou o nome novamente em 1970 em um protótipo stock-car da NASCAR, baseado no Ford Torino que nunca correu. O King Cobra mais famoso foi um pacote opcional do Mustang II 1978. Esse modelo foi o primeiro Mustang a usar o emblema 5.0, equivalente métrico às 302 polegadas cúbicas de deslocamento do motor V8. O atual conceito é o primeiro Mustang de sexta geração a usar o nome King Cobra em uma versão 5.0 de ultra-alta performance.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Ford exibe primeiro Mustang GT “King Cobra” de nova geração com 600 cv

Comentários desativados em Ford exibe primeiro Mustang GT “King Cobra” de nova geração com 600 cv

 

 
A Ford apresentou no SEMA Show, em Las Vegas, a maior feira de personalização de veículos do mundo, o conceito Mustang GT 2015 King Cobra com kits de personalização que elevam a sua potência para mais de 600 cv. O veículo é uma vitrine dos kits de performance da Ford Racing para o Mustang GT – "Drag Pack", "Handling Pack" e "Super Pack” supercharger – e exibe grafismos especiais na carroceria imitando a textura de pele de cobra.
 
"Na Ford Racing, gostamos de levar os carros ao seu limite", diz Jamie Allison, diretor da Ford Racing. "Isso é algo que temos feito há 113 anos e explica por que estávamos tão empolgados em pôr as mãos no novo Mustang 2015. O objetivo é mostrar aos fãs do Mustang como eles podem usar o catálogo de peças da Ford Racing para incrementar ainda mais esse veículo fantástico.”
 
O kit “Drag Pack” inclui semieixos reforçados e um subquadro traseiro com buchas de alta performance para melhorar a tração e transmitir o máximo de potência para as rodas sob aceleração pesada. O “Handling Pack” rebaixa o carro em cerca de 1 polegada, com molas dianteiras e traseiras encurtadas – sendo as molas dianteiras em estruturas pré-montadas –, além de um kit de amortecedores traseiros e barra estabilizadora.
 
\"\"
 
O componente chave do “Super Pack” é um supercharger 2.3 L Twin Vortices Series (TVS), desenvolvido em conjunto pela Ford Racing e a ROUSH Performance. O conjunto inclui um sistema de transmissão por correia, coletor de admissão, corpo de acelerador eletrônico, sistema de admissão de ar, injetores e linha de combustível de alto fluxo, sistema completo de intercooler ar–líquido e calibração de alto desempenho feita por computador pela Ford Racing.
 
A Ford Racing testou uma versão inicial do Mustang GT com o pacote King Cobra no autódromo Milan Dragway, em Michigan, e o carro mostrou um desempenho impressionante, fazendo um quarto de milha em 10,97 segundos.
 
A Ford Racing escolheu o nome King Cobra para o pacote devido à sua longa associação com veículos Ford de alto desempenho. A denominação foi usada pela primeira vez por Carroll Shelby, em 1963, para os carros de corrida Cooper Monaco que construiu com motor Ford V8 de 289 polegadas cúbicas.
 
A Ford usou o nome novamente em 1970 em um protótipo stock-car da NASCAR, baseado no Ford Torino que nunca correu. O King Cobra mais famoso foi um pacote opcional do Mustang II 1978. Esse modelo foi o primeiro Mustang a usar o emblema 5.0, equivalente métrico às 302 polegadas cúbicas de deslocamento do motor V8. O atual conceito é o primeiro Mustang de sexta geração a usar o nome King Cobra em uma versão 5.0 de ultra-alta performance.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Jeep é líder em SUVs com 22,7% de participação de mercado em abril

Renegade e Compass se posicionam entre os veículos mais vendidos do País e são líderes em …