A Ford introduziu o modelo 2018 do Focus Elétrico que, além de maior autonomia, tem outra novidade: a tonalidade verde metálica “Outrageous” (“Ultrajante”), eleita a “Cor do Ano 2017” pelo Pantone Color Institute, referência global nessa área. Ao anunciar esta nova cor, que promete ser tendência mundial, a marca destacou que ela simboliza renovação e vitalidade, em sintonia com a tecnologia inovadora e sustentável do veículo movido somente a eletricidade.
“O verde está em alta atualmente para reassegurar aquilo que nós ansiamos em meio a um ambiente social e político tumultuado. Ele simboliza a reconexão que buscamos com a natureza, uns com os outros e com um propósito maior, satisfazendo o nosso desejo crescente de rejuvenescer e renovar”, explica Leatrice Eiseman, diretora executiva do Pantone Color Institute.
Para os designers, alguns desafios são relevantes na definição das cores, como, por exemplo, por que determinada cor é importante e deve ser usada naquele momento. Frequentemente, essa seleção é feita para atender um cenário de dois ou três anos à frente, que está sujeito a inúmeras influências, desde mudanças de estilo de vida, aspectos psicológicos, políticos e sociais até a questão ética dos biomateriais.
 
“Nós somos incentivados a experimentar um sentimento e depois compartilhar ideias com o time para tornar isso real através de uma cor ou material nos veículos”, diz Barb Whalen, gerente de design de cor e materiais da Ford. “O verde metálico Outrageous é uma tonalidade única que simboliza renovação e uma reconexão com a natureza. O acabamento em verniz transparente colorido especial contribui para dar profundidade e vibração”.
A visão do consumidor é determinante nesse processo. Pesquisa da Ford mostra que a escolha da cor é altamente pessoal: 35% a 40% dos clientes abandonariam um veículo ou marca que não oferecesse a sua cor desejada. Visando prever tendências futuras, a equipe de design da marca estuda uma paleta vibrante e diversificada para cada produto com inspiração em várias fontes.

Carga rápida
O novo Ford Focus Elétrico tem uma autonomia estimada de 185 km, quase o triplo do anterior, com um consumo médio de energia equivalente a 45,5 km/l com gasolina. Um novo sistema de carregamento rápido em corrente contínua permite ao veículo rodar 120 km com 30 minutos de recarga, em 120 ou 240 volts. A bateria tem uma capacidade 40% maior (33,5 quilowatts-hora) comparado ao modelo anterior, sem aumento do tamanho da bateria.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Ônibus VW moderniza frota argentina de transporte público

Como motorização MAN D08, esses dois Volksbus têm sistema EGR de tratamento de emissões, d…