Home Notícias Ford tem problemas na África do Sul mas confirma que continua no país

Ford tem problemas na África do Sul mas confirma que continua no país

Comentários desativados em Ford tem problemas na África do Sul mas confirma que continua no país

 

 
Uma greve de 220.000 empregados liderada pelo Sindicato dos Metalúrgicos, na África do Sul, já em sua segunda semana de protesto, obrigou a Ford e GM a suspender suas produções. Provavelmente, serão seguidas por outras montadoras, alimentando boatos de que a Ford poderia deixar o país.
 
Todavia, Jim Benintende, presidente das operações do Oriente Médio e África, da Ford, tranqüilizou a todos afirmando que a empresa tem um compromisso de longo prazo com a África do Sul e que revelará, nos próximos dias, um anúncio de novos produtos da companhia para o país.
 
A greve geral, motivada pelo desejo de melhores salários no setor, atingiu o fornecimento de autopeças o que comprometeu a continuidade de funcionamento das linhas de montagem. 
 
Ford vende cerca de 6.000 veículos por mês na África do Sul, o que lhe garante o terceiro posto no ranking de vendas do setor automotivo no país, atrás de Toyota e Volkswagen. A empresa usa, também, a sua base na África do Sul para exportar veículos para diversos países.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nordeste é a única região a registrar aumento no preço do etanol no início de julho

Alta no valor médio por litro da gasolina também foi a maior do País, com mais de 1,5%. De…