Segundo balanço do IPTC (Índice de Preços Ticket Car), o custo médio da gasolina em novembro subiu 2,45% em relação a outubro, encerrando o mês a R$ 3,77/L. As maiores altas no preço do combustível foram registradas na Bahia (5,14%), Distrito Federal (5,02%) e Piauí (4,52%).
 
O preço do combustível teve sensível queda (-0,09%) no Acre, o que não impediu o estado de continuar com o custo por litro mais elevado no mês, a R$4,15. Entre os estados que apresentaram melhores preços para abastecer com gasolina estão São Paulo e Paraíba (R$ 3,53), seguidos por Paraná (R$ 3,65) e Rio Grande do Norte (R$3,66).
 
Etanol
 
Já o etanol manteve em novembro a média de aumento de 6,80% do mês passado, encerrando o mês a R$2,99/L. As maiores variações no preço de Etanol foram registradas em Alagoas (10,6%), Distrito Federal (10,48%) e Espírito Santo (10,33%).
 
O Acre teve a maior queda registrada (-3,51%). Já Mato Grosso apresentou a maior variação do mês (15,01%), o que fez com que o estado tivesse o custo por litro do combustível a R$ 2,65.
 
Para os consumidores que têm carro flex e preferem conferir qual o combustível mais vantajoso, o ideal é fazer o cálculo dividindo o preço do etanol pela gasolina. Se o resultado for menor ou igual a 0.70, é vantajoso abastecer com etanol. Se o resultado for maior, compensa economicamente abastecer com gasolina.
 
Sob essa metodologia, o etanol é economicamente mais vantajoso no estado do Mato Grosso.
 
Outros combustíveis
 
O Diesel e o Diesel S-10 custaram, respectivamente, R$ 3,13 e R$ 3,19. Já o Gás Natural teve média de R$ 2,33/m³.
O Ticket Car consulta mais de 14 mil pontos credenciados à rede, em 26 Estados brasileiros e no Distrito Federal. Abaixo, tabela para consulta em cada região.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Ford Fund doa 9.000 máscaras para comunidades de São Paulo em projeto que gera renda para costureiras

Em parceira com a Aldeias Infantis SOS Brasil, a iniciativa faz parte do projeto Costura S…