A Hyundai Motor Brasil atingiu, na última quinta-feira (2), a marca de 1 milhão de veículos produzidos em sua fábrica, Piracicaba (SP). Com a produção iniciada em setembro de 2012, o volume foi alcançado em apenas 5 anos e 10 meses, novo recorde para a indústria automobilística brasileira.

Do total produzido, a família de compactos HB20 responde por 935 mil unidades (cerca de 94%). O SUV compacto Creta, lançado no início de 2017, completa a cifra com 65 mil unidades produzidas. Para o mercado nacional, foram destinados 995 mil carros (aproximadamente 99%), sendo o restante exportado para Uruguai e Paraguai.

“A marca de 1 milhão de unidades produzidas está sendo alcançada no menor tempo da história da indústria automobilística brasileira. Isso comprova a excelente aceitação de nossos produtos e a forte ocupação de nossa capacidade produtiva nesses quase seis anos de operação. A Hyundai foi a única fábrica a permanecer com os três turnos funcionando sem interrupção, mesmo durante a crise econômica”, comenta Eduardo Jin, presidente da Hyundai Motor Brasil.

Localizada em um terreno de 1,390 milhão de metros quadrados e com 2,5 mil funcionários, a fábrica da Hyundai em Piracicaba iniciou suas operações em dois turnos, com uma capacidade instalada de 150 mil unidades ao ano. Já em setembro de 2013, com o sucesso das vendas do compacto HB20, o terceiro turno foi adicionado, elevando a capacidade para 180 mil unidades ao ano.

Desde o primeiro ano completo de operação, a capacidade de produção permaneceu sempre com ocupação acima de 90%. Em 2013, foram 166 mil carros produzidos, contando com o terceiro turno nos últimos quatro meses. Em 2014, o volume produzido chegou a 174 mil unidades. Na sequência, a produção da Hyundai em Piracicaba registrou 166 mil carros em 2015 e 162 mil nos dois anos seguintes. Em 2018, com a melhoria de processos internos, será possível produzir 190 mil unidades, excepcionalmente.

A partir da entrada do terceiro turno, a Hyundai eliminou horas extras no processo produtivo e manteve estável o quadro de funcionários. No início de 2016, tornou-se a primeira montadora a obter a “Certificação de Trabalho Decente”, emitida pela Secretaria de Estado do Trabalho, em conformidade com os critérios da Organização Internacional do Trabalho. Ao final do mesmo ano, a Hyundai conquistou a quarta posição nacional em vendas, quebrando a hegemonia de 40 anos das marcas tradicionais que operam no Brasil. E em 2017, classificou-se entre as três primeiras no ranking das “Melhores Empresas para Trabalhar” na região de Piracicaba, reconhecimento conferido pela primeira vez a uma empresa de grande porte com apenas cinco anos de operação naquela época.

Para celebrar o volume de 1 milhão de carros produzidos, a Hyundai anunciou a comercialização da Edição Comemorativa 1 Million para HB20 e Creta, com vendas a partir da segunda quinzena deste mês. Limitada a 4,5 mil unidades, a série traz inéditos bancos em couro bege, soleiras personalizadas nas portas dianteiras, emblema alusivo à série especial, central multimídia blueMedia com TV digital* e lanternas Clear Type. Para o SUV Creta, a novidade fica por conta da exclusiva “Hyundai Key Band”, chave presencial em formato de pulseira, que, além de desempenhar as principais funções da smart key convencional, proporciona conectividade com smartphone e funciona como relógio.

De olho no futuro, a Hyundai está finalizando a construção em Piracicaba do primeiro centro de Pesquisa & Desenvolvimento da marca sul-coreana no hemisfério Sul. Quando prontos, os laboratórios serão dedicados, inicialmente, ao aprimoramento da tecnologia flex de combustível e seu uso nos motores de alta tecnologia para o mercado nacional. A previsão é inaugurar o Centro de P&D ainda neste ano.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Di Grassi inicia no sábado (16) campanha pelo bicampeonato

Em temporada de muitos recordes e vitórias, Lucas pode ampliar marca extraordinária na Fór…