A frase que compõe uma das peças da campanha publicitária que a JAC Motors tem trabalhado nos últimos meses é emblemática. A fim de preparar a chegada de seus cinco modelos 100% elétricos no Brasil, a marca cunhou: “Enquanto algumas marcas têm um carro elétrico em sua linha… a JAC Motors tem uma linha de carros elétricos para você”. Além de três utilitários-esportivos, a surpreendente inovação que a JAC Motors imprime hoje é a introdução comercial de uma picape cabine dupla destinada ao trabalho e um caminhão com capacidade total de 7,5 toneladas e 4 ton de carga útil. Esses cinco veículos estão escrevendo um novo capítulo da história da mobilidade no país.

Por que dois modelos de uma única vez?

De acordo com Sergio Habib, presidente do Grupo SHC e da JAC Motors Brasil, a eletrificação não pode ficar circunscrita a uma iniciativa de Marketing, objetivando aprimorar a imagem da marca ao torná-la amiga do meio ambiente.

“Resolvemos assumir a vocação de buscar um mundo melhor e investimos seriamente numa significativa evolução do nosso modelo de negócio. Nossa família de cinco veículos elétricos assume o protagonismo na marca. A ideia é chacoalhar o mercado e instantaneamente dar várias opções de compras em segmentos diversificados”, explica.

A eletrificação é a solução definitiva

A conservação e a proteção do meio ambiente são primordiais para um modo de vida sustentável e devem envolver todas as instituições governamentais e empresariais, em um exercício assumido por todos os habitantes do planeta. À indústria automobilística, cabe a oferta de produtos que emitam menos poluentes – preferencialmente “zero” –, como é o caso desse lançamento múltiplo que a JAC Motors faz, por intermédio do Grupo SHC, ao apresentar esses dois modelos destinados ao mercado corporativo.

Ao alterar a forma como investimos na mobilidade, automaticamente estamos interferindo na relação com o meio ambiente. A poluição, emissão se CO2 e a má qualidade do ar são problemas muito graves na realidade em que vivemos, causando males à saúde, prejuízos à fauna, aquecimento global… A lista de danos é bem extensa. E conhecida.

Face a essa consequência, o veículo com propulsão totalmente elétrica, com zero emissões, é a solução definitiva. Ao conduzir um veículo elétrico, você não só reduz a poluição ambiental e o nível de ruídos nas ruas, mas também contribui para a edificação de um futuro melhor para as próximas gerações.

Mais do que isso: por adotar uma matriz energética totalmente renovável, como a energia elétrica – praticamente gerada a partir de recursos hídricos no Brasil –, o cliente que adquire os modelos iEV330P e iEV1200T não estará somente contribuindo para um meio-ambiente mais promissor em favor das próxima gerações: ele estará reduzindo seu custo operacional com logística, conforme conferiremos a seguir.

Referência mundial em tecnologia de carros elétricos

Como uma das montadoras precursoras em nível mundial no desenvolvimento de veículos 100% elétricos, a JAC Motors iniciou seus estudos em 2008 e já está na sétima geração de seus “iEV´s” (Intelligent Electric Vehicle). Atualmente, a empresa é o quinto maior fabricante mundial de BEV (Battery Electric Vehicle) e possui 5% das vendas de todos os modelos 100% elétricos que são vendidos na China.

Os modelos trazidos pela JAC Motors que estão sendo lançados comercialmente hoje (a picape e o caminhão elétricos) são e continuarão sendo únicos em suas respectivas categorias por muito tempo. Mesmo quando tiverem concorrentes, dentro de alguns anos, a vanguarda tecnológica dos projetos os manterá numa posição de destaque no mercado. Veja alguns itens:

• baterias de fosfato de ferro-lítio (possuem maior densidade de carga que o íon-lítio e, por isso, são mais adequadas a transporte de carga);
• sistemas eletrônicos e conectores utilizados em indústria aeroespacial – são a última palavra em durabilidade, eficiência e vedação;
• sistema de trava do cabo de recarregamento quando está sendo usado. Ele só libera do engate quando destravado pelo controle remoto de abertura das portas dos veículos;
• quadros de instrumentos com escala gráfica de “consumo instantâneo”, que permite ao usuário verificar todo o tempo se seu modo de guiar é econômico e o quanto se está aproveitando de regeneração das baterias;
• Serviço JAC Monitor: parte de um sistema de diagnóstico contínuo de monitoramento exclusivo para linha iEV. Todas as centrais eletrônicas do veículo serão monitoradas, principalmente todo o sistema de alta tensão, incluindo como exemplo o conjunto de baterias, motor elétrico e seu controlador.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Ônibus VW moderniza frota argentina de transporte público

Como motorização MAN D08, esses dois Volksbus têm sistema EGR de tratamento de emissões, d…