Em estudo, Compass Limited 2.0 TDI 4X4 conta com mais baixa perda de valor, 3,03%. Já o Pajero Outdoor 4X4 AT 3.2 TB-IC 4×4 apresenta 14,87% como maior desvalorização

Com modelos bem equipados, designs atraentes e boas motorizações, os SUVs são responsáveis pelos sonhos de muitos brasileiros. Isto provoca que estes veículos possuam grandes quantidades de concorrentes, desde o mais simples até o mais robusto. Para entender o comportamento de dois gigantes no segmento e ajudar o consumidor a fazer uma compra mais consciente, a KBB Brasil, referência em precificação de automóveis novos e usados, selecionou as versões, com cotações disponíveis há 4 anos, dos SUVs automáticos Jeep Compass e Mitsubishi Pajero para uma batalha: qual possui a menor e a maior desvalorização?

O Jeep Compass Limited 2.0 TDI 4X4 abre o ranking com a menor queda de valor, desvalorizando 3,03% após o primeiro ano de uso. Em seguida, o Compass Trailhawk 2.0 TDI 4X4 marca presença com queda de 4,40%, seguido da versão Limited 2.0 16V flex 4×2, com 6,76%.

Por outro lado, as versões do Mitsubishi Pajero utilizadas no levantamento ocupam as três últimas posições da lista. Em 7º lugar, o valor do Mitsubishi Pajero HPE 4X4 AT 3.2 TB-IC 4×4 cai em 7,89%, enquanto o utilitário HPE 4X4 AT 3.5 V6 flex 4×4 conta com uma desvalorização de 10,43%. Com isso, a versão com maior desvalorização da batalha, com 14,87%, fica com o Outdoor 4X4 AT 3.2 TB-IC 4×4.

Em consequência disso, a média ponderada, que é utilizada para definir a desvalorização por modelo, revela que o SUV Jeep Compass vence com 6,3% de desvalorização, contra 9,3% do Mitsubishi Pajero.

Confira abaixo a relação completa com todas as versões da análise e suas respectivas taxas de desvalorização:

Modelo/Versão Taxa de desvalorização
JEEP COMPASS SUV/Crossover 4P LIMITED 2.0 TDI 4×4 Automático -3,03%
JEEP COMPASS SUV/Crossover 4P TRAILHAWK 2.0 TDI 4×4 Automático -4,40%
JEEP COMPASS SUV/Crossover 4P LIMITED 2.0 16V FLEX 4×2 Automático -6,76%
JEEP COMPASS SUV/Crossover 4P SPORT 2.0 16V 4×2 Automático -6,95%
JEEP COMPASS SUV/Crossover 4P LONGITUDE 2.0 16V FLEX 4×2 Automático -6,97%
JEEP COMPASS SUV/Crossover 4P LONGITUDE 2.0 TDI 4×4 Automático -7,79%
MITSUBISHI PAJERO SUV/Crossover 4P HPE 4X4 AT 3.2 TB-IC 4×4 Automático -7,89%
MITSUBISHI PAJERO SUV/Crossover 4P HPE 4X4 AT 3.5 V6 FLEX 4×4 Automático -10,43%
MITSUBISHI PAJERO SUV/Crossover 4P OUTDOOR 4X4 AT 3.2 TB-IC 4×4 Automático -14,87%

Quando o assunto é preço de carros, há duas metodologias para calcular a perda de valor: Desvalorização e Depreciação. Desvalorização é a comparação do preço atual de um veículo com os valores aplicados pelo mercado à mesma versão fabricada em anos anteriores. Já a Depreciação usa o valor do veículo 0 Km em um período determinado em relação a seu atual valor residual, sempre considerando o mesmo ano/modelo e sem o mesmo rigor de sua definição contábil, que tem regras muito estritas. Neste estudo, foi aplicado o conceito de desvalorização, levando em consideração todo o período de vida dos modelos analisados.

A KBB utiliza tecnologias de análise de dados e Big Data para produzir os levantamentos de precificação e desvalorização de veículos novos e usados. Os valores aqui presentes são gerados por meio de um complexo algoritmo, que analisa diversos fatores de comportamento do mercado automotivo brasileiro, além de seguir uma rígida análise de especialistas. A empresa atua com o propósito de conscientizar os consumidores na compra e venda de carros a partir da determinação de preços justos.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Dispositivo Bosch evita choque em caso de acidentes envolvendo veículos elétricos

Microchips controlam pequenas cargas explosivas conectadas às baterias e isolam a fonte de…