Quando o Jeep® Renegade fabricado no Polo Automotivo Jeep, em Goiana, Pernambuco, chegar ao mercado na primeira semana de abril próximo, já contará com uma rede de 120 concessionários da marca distribuídos por todo o País. “Estamos prestes a dar um grande salto em nossa rede”, afirma Sérgio Ferreira, diretor geral da Chrysler Brasil e diretor da marca Jeep para América Latina. Todos os 120 pontos de venda estarão com suas portas abertas ao público no dia 10 de abril, abastecidos da gama completa da marca Jeep (*) e também de um estoque de Renegade para exibi-lo ao público, realizar as primeiras vendas e estimular o movimento de pré-venda, a ser atendido nas semanas seguintes.
A montagem de uma rede com essas dimensões em tempo recorde representou um grande esforço financeiro e de articulação de parcerias.  Ao todo, os investimentos nas 120 lojas somam R$ 240 milhões, média de R$ 2 milhões por ponto. “Este montante de investimentos é muito significativo. Trata-se da iniciativa de muitos empreendedores que apostam no crescimento da marca Jeep no Brasil”, acrescenta Sérgio.
A rede de concessionários praticamente triplicou de tamanho em um trimestre. Na virada do ano, contava com 45 concessionários, incorporou mais 10 pontos em janeiro, 34 em fevereiro e 31 em março, totalizando 120 lojas. O projeto é criar um espaço de venda no qual o consumidor possa entrar completamente no conceito Jeep.
 
Para selecionar os novos concessionários, foi aberto um processo de concorrência para escolha das melhores propostas, levando em consideração critérios como localização, potencial de mercado, solidez financeira, experiência premium e qualidade. Foram recebidas mais de 300 propostas, das quais 75 foram escolhidas para se juntar às 45 concessionárias já existentes, totalizando as 120 lojas.
A concessionária Jeep é exclusiva e mantém a identidade da marca e o foco no negócio. A área total das revendas varia de  2.500 a 5.000 metros quadrados, dependendo da projeção mensal de vendas do concessionário. Todo o projeto é assessorado por parceiros especializados no segmento automotivo, gerando grande expertise para a marca Jeep. Desses 120 pontos de venda, 46 venderão também modelos importados das marcas Chrysler, Dodge e Ram, as outras três que compõem o braço norte-americano do Grupo FCA.
Sérgio Ferreira destaca que a rede própria de concessionários é um dos quatro pilares da estratégia de expansão das vendas da Jeep no Brasil. Os outros três pilares são fábrica, marca e produto.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

O novo nome e a governança da Stellantis entram em vigor

A Stellantis NV (NYSE / MTA / Euronext Paris: STLA) (“Stellantis”) anunciou ho…