É cada vez mais comum o uso do ar condicionado no automóvel, seja para enfrentar as altas temperaturas do verão brasileiro ou para aumentar a segurança, inibindo a prática de roubos. No entanto, são necessários cuidados com o equipamento, para garantir o bem-estar do motorista e passageiros durante a permanência no veículo. “Se o motorista identificar mau cheiro ao ligar o ar condicionado ou perceber a ocorrência de alergias e irritações, é hora de fazer uma limpeza no equipamento”, explica o gerente executivo de Operações da Autoglass, Flavio Cezario. 
 
É preciso fazer a higienização do ar condicionado a cada seis meses ou sempre que for necessário. Primeiro, é feita uma limpeza completa no interior do veículo com aspirador de pó. Em seguida, é aplicada uma ampola de higienização, com produto especial, enquanto o ar condicionado do automóvel está em funcionamento e com todos os vidros fechados. O produto penetra nos dutos do ar, promovendo a limpeza e eliminando ácaros e fungos que se acumulam no local e que podem gerar doenças respiratórias. O procedimento dura cerca de 30 minutos, não precisa de agendamento prévio e tem custo médio de R$ 60,00.
 
Nos intervalos entre uma manutenção e outra, Flavio Cezario recomenda ligar o ar condicionado ao menos uma vez por semana, por cerca de 20 minutos, mesmo durante o inverno. “Além disso, é importante deixar o equipamento funcionando por cerca de cinco minutos na função “ventilar”, na velocidade máxima, para tirar toda a umidade do sistema, onde se formam os ácaros e fungos”, aconselha o especialista.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Jeep conquista prata no World Class Manufacturing

Além da planta Jeep, outras plantas da FCA na América Latina já são reconhecidas pelo trab…