Todas as 75 unidades da versão de corrida do McLaren Senna já foram vendidas; modelo é equipado com motor V8, que oferece 825 cavalos de potência, e tem performance e aerodinâmica inigualáveis, com suspensão de carro de corrida.

Menos de um ano após ser apresentado como protótipo no Salão Internacional do Automóvel de Genebra, em março de 2018, o McLaren Senna GTR, o carro de corrida mais radical da McLaren Automotive, é apresentado em sua forma final e completa.

Esta é a versão de corrida do superesportivo que leva o nome do tricampeão de Fórmula 1 Ayrton Senna e que foi apresentada pela Marca SENNA em outubro, no Salão do Automóvel de São Paulo, sendo a maior atração do evento brasileiro.

Evolução do McLaren Senna GTR Concept 2018, apresentado em Genebra, o atual modelo é mais rápido, leve e potente que a versão de rua, levando o dinamismo do McLaren Senna a novos patamares de desempenho nas pistas fora da Fórmula 1.

O motor V8 de 4.0 litros e dois turbocompressores gera 825 cavalos de potência máxima. Com peso de 1.188 kg, tem relação peso/potência de inacreditáveis 694 cv por tonelada.

As 75 unidades do mais novo e exclusivo modelo da Ultimate Series da McLaren já foram vendidas em poucas semanas e começam a ser entregues a partir de setembro para felizardos proprietários que poderão correr ou apenas se divertir nas pistas.

Serão fabricadas sob encomenda em Woking, no Reino Unido, com preço de £ 1,1 milhão de libras esterlinas mais impostos (equivalente a R$ 5,5 milhões mais impostos).

O modelo cumpre a promessa de oferecer a potência de um hipercarro aliada ao manuseio acessível, com aerodinâmica echassi de um puro-sangue.

O resultado é uma máquina capaz de rodar em circuitos com mais rapidez do que qualquer McLaren fora da Fórmula 1, proporcionando aos seus proprietários, de todos os níveis de habilidades, uma experiência de direção inigualável.

O novo GTR leva o McLaren Senna – modelo de rua mais radical, ousado e completo produzido, até hoje, pela fabricante inglesa – vários passos adiante no campo do desempenho final. Sem as restrições de regulamentação para rodar em estradas ou pistas des corrida, o novo carro da Série Ultimate possui incríveis 1.000 kg de downforce aerodinâmico, além de utilizar suspensão derivada do programa de corrida GT3 da McLaren.

O McLaren Senna GTR sucede os lendários McLaren F1 GTR, de 1995 (vencedor de Le Mans), e o McLaren P1 ™ GTR, de 2015, e foi ninspirado no tricampeão mundial de Fórmula 1 Ayrton Senna.

Cada Mclaren Senna GTR oferece ao seu proprietário oportunidades virtualmente ilimitadas de personalização pelo centro de operações especiais da McLaren, que vão desde cores de tinta até pinturas exclusivas e multicoloridas.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Edição especial Dolcevita celebra o 62º aniversário do Fiat 500

Duas versões estão disponíveis: conversível, com um exclusivo teto de listras brancas e az…