\"\"
 
A Mercedes-Benz do Brasil acaba de conquistar o marco histórico de 2.000.000 de veículos comerciais produzidos no País. Este impressionante volume de produção, acumulado desde a fundação da Empresa, em 1956, abrange cerca de 1.370.000 caminhões e 630.000 ônibus.
 
“Somos o único fabricante de veículos comerciais do País a alcançar essa notável marca”, destaca Philipp Schiemer, CEO da Mercedes-Benz do Brasil e Daimler Latina. “Historicamente, a nossa Empresa é a maior indústria de veículos comerciais na América Latina, sendo uma verdadeira fabricante de caminhões e ônibus. Contribuímos decisivamente para a evolução da indústria automobilística nacional”.
 
Stefan Buchner, presidente mundial da Mercedes-Benz Caminhões – unidade da Daimler Trucks, maior fabricante de caminhões do mundo – veio ao Brasil especialmente para celebrar esse feito histórico da Empresa. “A Mercedes-Benz do Brasil ocupa uma posição muito importante nos nossos negócios de veículos comerciais na América Latina”, diz Buchner. “O Brasil é hoje, de uma forma consistente, um dos principais mercados para caminhões da nossa marca”.
 
A maior fábrica de veículos Mercedes-Benz fora da Alemanha
 
A planta da Empresa em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, é a maior fábrica de veículos comerciais Mercedes-Benz fora da Alemanha e única a produzir, numa mesma planta, caminhões, chassis de ônibus e agregados, como motores, eixos e câmbios, além das cabinas de caminhões. São fabricados ali as linhas de caminhões Atego, Atron e Axor.
 
\"\"
 
Em 2012, a Mercedes-Benz do Brasil deu um salto histórico na produção de caminhões no País, expandindo a montagem de caminhões Actros e Accelo para a unidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais. Esta planta é uma síntese do que há de mais moderno em termos de produção de caminhões, inovando em conceitos de produção e adotando os melhores métodos em fabricação, logística e outros processos. Esse é o caso, por exemplo, do Parque de Fornecedores integrado à planta, o que agiliza a entrega de componentes, seguindo o conceito just-in-sequence e garantindo a sustentabilidade do processo.
 
As plantas de São Bernardo do Campo e Juiz de Fora estão totalmente integradas ao mesmo sistema de produção de veículos comerciais da Mercedes-Benz no mundo.
 
A Companhia conta também com uma terceira unidade, em Campinas, interior de São Paulo, onde mantém a produção de peças remanufaturadas da linha RENOV. Nesse local, concentra também as atividades de Assistência Técnica; Global Training, com treinamentos para clientes, concessionários e equipes da própria Empresa; Central de Distribuição de Peças, que armazena aproximadamente 130.000 itens diferentes em mais de 80 mil metros quadrados de área; e Central de Relacionamento com o Cliente, amplamente premiada como a melhor do País.
 
Actros fabricado em Juiz de Fora é o veículo de número 2.000.000 produzido pela Mercedes-Benz do Brasil
 
\"\"
 
O veículo de número 2.000.000 produzido pela Mercedes-Benz do Brasil é o caminhão extrapesado Actros 4844 K 8×4, fabricado na planta da Empresa em Juiz de Fora.
Com uma sólida imagem de robustez, tecnologia e produtividade já consolidada no Brasil, onde está presente desde 2008, o Actros 4844 K 8×4 estabeleceu uma nova referência no mercado. Trata-se de um moderno caminhão basculante de alta capacidade de transporte, destinado às severas operações fora-de-estrada, como na mineração, construção pesada e grandes obras de infraestrutura.
 
Os caminhões Actros são indicados especialmente para os grandes frotistas e as empresas de transporte que valorizam a alta tecnologia e que reconhecem a importância do conforto e da segurança como aliados no aumento da produtividade no transporte.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Audi inicia testes do e-tron no Brasil

e-tron fará testes de autonomia e compatibilidade de carregamento elétrico O primeiro SUV …