Mesmo com a conhecida hegemonia dos pilotos gaúchos no circuito de Santa Cruz do Sul, nada fazia prever tamanho domínio: os três degraus do pódio da categoria CLA AMG Cup, a principal do Mercedes-Benz Challenge, neste domingo (28), foram ocupados por pilotos do Rio Grande do Sul. E foi uma prova realmente emocionante: o vencedor, Pierre Ventura, assumiu a dianteira do pole position Fernando Júnior na última volta da corrida. 
Grande nome do evento até então, Fernando também foi ultrapassado nos momentos finais pelo porto-alegrense Roger Sandoval, que chegou em segundo. Quarto colocado, o cearense Adriano Rabelo cruzou a linha de chegada a apenas 0s036 do rival, que sofreu com o desgaste excessivo dos pneus de seu carro. Com este resultado, Rabelo – o melhor piloto de fora do Rio Grande do Sul nesta corrida – permanece na liderança do torneio. 
Pierre Ventura conquistou no Rio Grande do Sul sua primeira vitória no Mercedes-Benz Challenge – em Goiânia, na primeira corrida do ano, ele havia cruzado a linha de chegada na segunda posição.
 
Voo solo começa a render frutos – Parceiro de Fernando Jr. no ano passado, Roger Sandoval passou a correr sozinho no CLA 45 AMG #20 neste ano. E, após apenas quatro rodadas, conquistou seu primeiro bom resultado. Depois de três pódios dividindo o volante com o parceiro gaúcho, ele chegou pela primeira vez entre os três primeiros em voo solo. Largando em 12o, Sandoval ganhou a segunda posição quando restavam apenas duas curvas para a bandeirada final.
 
Pole venceu na C 250 – Na categoria C 250 Cup, outro triunfo dos pilotos locais: o caxiense Luiz Sena Júnior cruzou a linha de chegada em primeiro, depois de assumir o posto de pilotagem antes ocupado por seu parceiro, Cleiton Campos (BA). O capixaba Betinho Sartório chegou em terceiro e manteve a liderança do torneio.
Em razão da entrada do safety car no início da prova (motivada pelo acidente entre Marcelo Hahn e Luiz Ribeiro), Campos não conseguiu passar o bastão a seu parceiro com significativa vantagem para o segundo colocado. Os três primeiros na C 250 Cup se mantiveram bem próximos até as paradas de box, apesar de esse pelotão ter conseguido abrir um pouco dos demais competidores. No pit stop, a equipe WCR trabalhou bem e devolveu Sena na pista ainda na primeira posição. 
Início tumultuado – A prova valeu pela quarta etapa da temporada 2015. Com sol pleno, mas clima ameno, os 30 carros iniciaram a corrida no estilo largada lançada – com os veículos já em movimento. O pole Fernando Júnior defendeu bem a liderança e se manteve frente, mas o pelotão dianteiro logo sofreria duas baixas: na terceira volta, o gaúcho Luiz Ribeiro tentou ultrapassar o paulista Marcelo Hahn em um trecho sinuoso de alta velocidade. Ribeiro optou por assumir a trajetória interna e os dois modelos CLA AMG 45 Racing “se engataram”, percorrendo vários metros juntos até se chocarem fortemente em uma barreira de pneus. 
Com o impacto, o CLA de Hahn foi lançado ao ar e quase completou um giro de 360 graus antes de voltar ao solo. Apesar do susto e da violência do acidente, os dois pilotos saíram ilesos. Minutos depois a direção de prova excluiu o gaúcho Luiz Ribeiro da disputa – medida meramente administrativa, já que seu carro estava sem condições de voltar à corrida. A prova seguiu sob regime de bandeira amarela (ultrapassagens proibidas e ritmo ditado pelo safety car) por seis voltas, até ser reiniciada na nona passagem.
 
A melhor volta na corrida foi registrada por Fernando Júnior, em 1min29s505, com média de 141,98 km/h. O resultado da CL AMG Cup deixa Adriano Rabelo na liderança, com 68 pontos. Logo atrás vem Fernando Júnior, que passou a somar 60 pontos. O terceiro colocado é o catarinense Cristian Mohr, que soma 47 pontos.
Terceira vitória gaúcha – O domingo em Santa Cruz do Sul terminou com mais um gaúcho no alto do pódio. Carlos Kray, líder do campeonato pela categoria Master, confirmou a boa fase e repetiu, em casa, seu melhor resultado. “Hoje também foi o dia da minha equipe, a CKR Racing, já que vencemos na geral e, também, na categoria Master. Depois do forte acidente do Pierre (Ventura) em Ribeirão Preto, o time trabalhou duro para reconstruir o carro e está de parabéns. Foram 30, 40 dias de muito trabalho, e temos hoje dois carros muito rápidos na pista. Foi um bom final de semana e conquistar um resultado como este em casa é melhor ainda”, 
Diferentes vencedores – Até agora, a categoria C 250 Cup teve vencedores diferentes nas quatro etapas disputadas. Em Santa Cruz, a dupla Luiz Sena Júnior e Cleiton Campos manteve a frente durante toda a corrida. A segunda posição foi conquistada pelo catarinense Max Mohr, seguido por Betinho Sartório. Com o resultado, Sartório passou a somar 63 pontos na liderança e, agora, tem a dupla Sena Júnior/Campos em seu encalço, apenas seis pontos atrás. O terceiro lugar na tabela é dos ex-líderes Marcos Paoili/Peter Gottschalk, dupla de São Paulo que soma 54 pontos.
A próxima etapa do Chevrolet Challenge será disputada no dia 16 de agosto, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO).
 
Resultado da 4ª etapa do Chevrolet Challenge, em Santa Cruz do Sul: 
1 – Pierre Ventura (categoria CLA, equipe CKR Racing), 26 voltas em 47min29s047
2 – Roger Sandoval (CLA, Mottin Racing), 47min30s577
3 – Fernando Júnior (CLA, WCR), 47min31s340
4 – Adriano Rabelo (CLA, Cordova Motorsports), 47min31s376
5 – Christian Mohr (CLA, RSports Racing), 47min36s832
6 – Cesare Marucci (CLA, Cordova Motorsports), 47min39s045
7 – Carlos Kray (CLA, CKR Racing), 47min40s696
8 – Betão Fonseca (CLA, Center Bus Sambaiba Racing), 47min51s343
9 – Arnaldo Dinin Filho (CLA, Comark Racing), 47min53s253
10 – Otávio Mesquita (CLA, VB Motorsport), 47min56s790
11 – Vitor/Felipe Amorim. (CLA, Fiolux RSports Racing), 47min58s300
12 – Cesar Fonseca (CLA, Center Bus Sambaiba Racing), 48min22s218
13 – Fernando Poeta (CLA, Mottin Racing), 48min27s170
14 – Sena Junior/Cleiton Campos (C 250 Cup, WCR), 48min38s800
15 – Paulo Totaro (CLA, Scuderia 111), 48min48s537
16 – Max Mohr (C 250, RSports Racing), 47min29s620
17 – Betinho Sartório (C 250, Paioli Racing), 47min35s192
18 – Christian Germano (C 250, Center Bus Sambaíba Racing), 47min35s235
19 – Márcio Basso/Bruno Mesquita (C 250, Center Bus Sambaíba Racing), 47min43s912
20 – Marcos Paioli/Peter Gottschalk (C 250, Paioli Racing), 47min44s997
21 – Flavio Andrade (C 250, Hot Car Competições), 47min50s195
22 – Beto Rossi/Roger Simão (C 250, Divena Racing/RSports Racing), 47min50s591
23 – Peter Gottschalk (C 250, Paioli Racing), 45min46s777
24 – Edson Ferreira (C 250, RSports Racing), 48min41s307
25 – Peter Ferter (CLA, LT Team), 39min32s827
26 – Fernando Fortes (CLA, Mottin Racing), 32min06s810
27 – Marcelo Hahn (CLA, Blau Motorsport), 3min03s173
28 – Luis/Paulo Varassin (CLA, Hitech Racing), não completou
29 – Danilo Pinto (CLA, Scuderia 111), não completou
30 – Luiz Carlos Ribeiro (CLA, Mottin Racing), 3min03s326
Classificação do torneio após quatro etapas: 
CLA 45 AMG CUP 
1 – Adriano Rabelo, 68 pontos
2 – Fernando Júnior, 60
3 – Cristian Mohr, 47
4 – Pierre Ventura, 44
5 – Arnaldo Diniz Filho, 39
6 – Cesare Marrucci, 30
7 – Cesar Fonseca, 27
8 – Neto De Nigri, 26
9 – Carlos Kray, 25
10 – Peter Ferter, 25
11 – Roger Sandoval, 22
12 – Victor Amorim/Fernando Amorim, 18
13 – Luiz Carlos Ribeiro e Fernando Poeta, 17
15 – Marcelo Hahn e Guilherme Daudt, 13
17 – Rodnei Felício e Danilo Pinto, 9
19 – Betão Fonseca, 8
20 – Otávio Mesquita, 7
21 – Fernando Fortes, 4
22 – Paulo Totaro, 3
23 – Lorenzo Varassin/Paulo Varassin, 3 pontos
C 250 CUP 
1 – Betinho Sartório, 63 pontos
2 – Luiz Sena Júnior/Cleiton Campos, 57
3 – Marcos Paioli/Peter Gottschalk e Márcio Basso, 54
5 – Peter Michel Gottschalk, 42
6 – Christian Germano, 39
7 – Max Mohr, 30
8 – Flavio Andrade, 29
9 – Beto Rossi e Edson Ferreira, 28
11 – Claudio Simão, 18
12 – Theo De Nigris/Thiago De Nigris, 16
13 – Bruno Mesquita, 11
14 – Roberto Santos, 9
15 – Maurício Lund, 8
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Série Desafios Ford traz teste sobre segurança veicular

Além de itens obrigatórios, o desafio inclui recursos avançados oferecidos hoje nos carros…