A produção de veículos subiu 18,4% no primeiro bimestre de 2013, totalizando 508.606 unidades. Os principais destaques da indústria automobilística nacional foram a alta de 78,9% na fabricação de ônibus e de 72,7% na de caminhões. Os dados vão na contramão das vendas negativas do mesmo período, segundo balanço divulgado também nesta semana pela Fenabrave. As vendas de caminhões e ônibus tiveram queda de 7,2% e 5,7% no ano.
 
De acordo com o balanço da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), ao todo, 5.176 ônibus urbanos foram produzidos no acumulado do ano, número 81,1% superior ao dos dois primeiros meses de 2012. Os veículos rodoviários registraram aumento de 67,6%, com 957 unidades.
 
No segmento de caminhões, saíram das linhas de montagem 647 unidades semileves, volume que supera em 280,6% o do primeiro semestre do ano anterior. Os caminhões médios cresceram 125,5% (2.016), os semipesados 75,4% (10.785 veículos), os pesados 62,6% (9.081) e os leves, 56,1% (4.081 unidades).
 
A fabricação de automóveis subiu 16,8% nos meses de janeiro e fevereiro, totalizando 393.153 novas unidades. A de comerciais leves, entretanto, teve o menor crescimento entre todas as categorias, de 11,6% (com 82.710 veículos).
 
Fevereiro negativo
 
Ainda segundo a Anfavea, se forem comparados os dados de fevereiro com os de janeiro, houve queda na produtividade. Considerando todos os segmentos, a redução foi de 17,9%, influenciado, principalmente, pela baixa de 21% nos automóveis. A queda pode ser atribuída ao retorno gradual do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e ao menor número de dias úteis no mês.
 
De janeiro para fevereiro, o segmento de caminhões teve incremento de 9,4% na produção e o de ônibus, entretanto, registrou queda de 3,6%.
 
 
Fonte: Agência CNT de Notícias
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Interior do novo Porsche Taycan é digital, funcional e sustentável

O volante tem uma aparência leve, com dois modelos para escolher A Porsche está entrando n…