No ano em que celebra seu 18º aniversário, a Mitsubishi Cup vai surpreender os competidores com novidades. O rali cross-country de velocidade mais tradicional do País chega à maioridade apresentando o calendário 2017 com provas dinâmicas e repletas de desafios inéditos.
Serão realizadas sete etapas em que, além do cross-country de velocidade, as duplas, formadas por pilotos e navegadores, vão encarar também rallycross, modalidade que mescla piso de asfalto e terra com carros largando lado a lado; provas de endurance cross-country, com maior quilometragem e tempo; endurance em terródromo também com largada lado a lado; “time attack” em kartódromo, com disputas de tempo, e ainda uma prova noturna.
 
“O nosso objetivo principal é celebrar o 18º aniversário da Mitsubishi Cup com inovações que vão proporcionar aos competidores novas experiências, tornando a temporada ainda mais atrativa para os participantes, para os espectadores, para a imprensa e os patrocinadores. Tenho certeza que o campeonato será muito disputado e, mais uma vez, realizaremos algo inédito no mundo”, ressalta Guilherme Spinelli, diretor da Ralliart Brasil, divisão de alta performance da Mitsubishi Motors.
 
Outro destaque é a realização de etapas fora do Estado de São Paulo, como em junho, quando será em Santa Catarina. “A Mitsubishi Cup é uma competição bastante tradicional. Queremos trazer às duplas novidades que esquentem ainda mais a disputa e que coloquem os equipamentos à prova em diferentes situações”, explica Fernando Julianelli, diretor de marketing da Mitsubishi Motors.
Os veículos, produzidos pela Mitsubishi Motors e preparados para competição pela Ralliart Brasil, divisão de alta performance, estão disponíveis para venda para as equipes em condições especiais. Para mais informações, os interessados deverão entrar em contato: mitsubishicup@hpeautos.com.br ou (19) 3019-1000.

Novo ASX RS
 
 
O ASX RS 2017, veículo homologado junto à CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) para a Mitsubishi Cup, para o Campeonato Brasileiro e para o Rally dos Sertões, na categoria Production, também foi revelado. “Apresentamos a carroceria nova, já do ASX 2017 que foi lançado no Salão do Automóvel 2016, e fizemos ajustes para deixar o veículo ainda mais potente e resistente para o rali”, explica Spinelli. O carro tem 194 cavalos de potência e 27kgf.m de torque.
L200 Triton Sport RS
 
A Ralliart anunciou ainda o lançamento da categoria L200 Triton Sport RS, que promete ser a mais rápida, disputada e empolgante da competição. O veículo tem 272 cavalos de potência, 41, 5kgf.m de torque e a carroceria da All New L200 Triton Sport, que foi apresentada no Brasil este ano. O veículo está apto para correr, além da Mitsubishi Cup, o Rally dos Sertões nas categorias Protótipo ou Pró-Brasil.
 

L200 Triton ER
 
Já consagrada, a L200 Triton ER segue na Mitsubishi Cup. Em 2017, será dividida em duas categorias, com a inclusão da Master, destinada às duplas com mais experiência. O veículo está homologado para participar também do Campeonato Brasileiro e do Rally dos Sertões, na categoria Super Production. A L200 Triton ER tem 242 cavalos de potência e 39kgf.m de torque.

Pajero TR4 ER
 
A Mitsubishi anunciou também a continuidade da venda e fornecimento de peças e insumos para os competidores que optam pela categoria Pajero TR4 ER, considerada porta de entrada do rali brasileiro.
Calendário 2017*
 
01 de abril – Velo Città – Mogi Guaçu (SP) – cross-country e rallycross
13 de maio – São José do Rio Preto (SP) – endurance cross-country
10 de junho – Penha (SC) – “time attack” em kartódromo
05 de agosto – Cordeirópolis (SP) – terródromo e endurance
23 de setembro – Ribeirão Preto (SP) – prova noturna e cross-country
21 de outubro – a definir
18 de novembro – Velo Città – Mogi Guaçu (SP) – cross-country e rallycross
 
Calendário sujeito a alterações.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Porsche atinge recorde de veículos entregues em um mesmo ano no Brasil

A Porsche entregou 2.130 automóveis no mercado brasileiro nos primeiros nove meses de 2020…