As mulheres são mais prudentes no trânsito e consequentemente sofrem e causam menos acidentes. Durante o mês de fevereiro foram registrados 263 acidentes em Teresina, destes 98 foram acidentes com vítimas e 165 sem vítimas. Dos condutores que se envolveram em acidentes com vítimas, a mulher representa 17,26% de um total de 197 e nos acidentes sem vítimas, estas representam apenas 23,24% dos 340 condutores, de acordo com os dados da Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran).
 
O tipo de acidente mais frequente durante o mês de fevereiro foi a colisão, com 86 ocorrências nos acidentes com vítimas e 119 nos acidentes sem vítimas. O tipo de veículo com maior incidência nos acidentes com vítimas e sem vítimas é o automóvel, com 101 e 227 veículos respectivamente. Durante o mês de fevereiro foram registradas 129 vítimas feridas, destas, 28,68% eram do sexo feminino.
 
A via com o maior número de acidentes durante o período foi a Avenida Miguel Rosa, com 12 ocorrências. O dia da semana com o maior índice de acidentes com vítimas, durante fevereiro, foi o sábado com 24, e nos acidentes sem vítimas foi a sexta-feira e também o sábado, com 28 casos cada. Os horários com os maiores números de acidentes, de ambos os tipos, foi de 11h às 12h, com 25 casos durante o mês.
 
Em janeiro, as mulheres representaram 9,55% do total de 178 condutores envolvidos em acidentes com vítimas. E nos acidentes sem vítimas estas foram 15,95% de um total de 301 condutores. Além de representarem apenas 24,56% das vítimas feridas, segundo os dados da Ciptran.
 
Já em 2012, dos 2.564 condutores envolvidos em acidentes com vítimas, 332 eram do sexo feminino. E dos 4.384 condutores dos acidentes sem vítimas 905 eram mulheres.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Segurança ainda maior no novo 911: Porsche Wet Mode

Alta estabilidade, mesmo na chuva. A oitava geração do Porsche 911 não é apenas mais poten…