Proprietários de veículos elétricos podem pagar estacionamento fornecendo energia enquanto visitam o novo Nissan Pavilion, que estará aberto ao público a partir de 1º de agosto

A Nissan está dando mais um motivo para os clientes amarem seus carros elétricos: usar eletricidade para pagar o estacionamento.

Pela primeira vez no mundo, os condutores de veículos elétricos poderão fornecer energia da bateria de seus carros para pagar o estacionamento enquanto visitam o centro de exposições Nissan Pavilion, em Yokohama, no Japão. O local estará aberto ao público a partir de amanhã, 1º de agosto.

O sistema de pagamento é apenas uma das várias experiências inovadoras que os clientes podem vivenciar no Pavilion, construído para mostrar como a Nissan move as pessoas para um mundo melhor. Os visitantes podem comer no ‘Nissan Chaya Café’, que funciona com eletricidade gerada por energia solar e também dos carros elétricos Nissan LEAF. Eles também podem vivenciar experiências virtuais, que permitem sentir a emoção de uma corrida de rua em um carro elétrico de Fórmula E, ou dar uma volta no novíssimo crossover elétrico Nissan Ariya.

Com 10 mil metros quadrados e zero emissão, o Pavilion é revestido com painéis solares e alimentado por energia hidrelétrica renovável.
“O Pavilion é um lugar onde os clientes podem ver, sentir e se inspirar em nossa visão de um futuro próximo para a mobilidade e a sociedade”, disse Makoto Uchida, CEO da Nissan. “Com a mudança do mundo para a mobilidade elétrica, os veículos elétricos serão integrados à sociedade de formas que vão além de apenas transportar”.

Nissan Energy

A Nissan lançou o primeiro carro 100% elétrico produzido em massa em 2010, o Nissan LEAF. Desde então, a empresa tem firmado parcerias com empresas e governos em todo o mundo para ampliar o uso de veículos elétricos. As tecnologias Nissan Energy Share e Nissan Energy Storage permitem que a eletricidade das baterias dos veículos elétricos seja armazenada, compartilhada e reaproveitada como, por exemplo, para fornecer energia a residências e empresas – assim como no café Nissan Pavilion, que é desconectado da rede elétrica (off-the-grid).

No Japão, a Nissan também firmou acordos com governos locais para o uso dos veículos LEAF como baterias móveis que podem fornecer energia durante desastres naturais. Em outra parceria, a empresa está reaproveitando as baterias de veículos elétricos para fornecer energia para a iluminação pública. Como parte do plano de transformação Nissan NEXT, a empresa pretende ampliar sua linha de veículos elétricos e eletrificados no mundo, incluindo o sistema e-POWER. A Nissan pretende vender mais de 1 milhão de veículos eletrificados por ano até o fechamento do ano fiscal de 2023.

Inovações da Nissan

Além das tecnologias do sistema Nissan Energy, aqueles que visitarem o Pavilion também podem ter outras experiências com inovações da marca. Entre elas estão o sistema avançado de assistência ao condutor ProPILOT, bem como a tecnologia Invisible-to-Visible (do Invisível para o Visível – I2V) da Nissan, que combina informações dos mundos real e virtual para fornecer assistência ao motorista.

As crianças e adultos podem conhecer a tecnologia I2V jogando uma partida de tênis virtual com Naomi Osaka, campeã do Grand Slam e embaixadora da Nissan, para ter uma ideia de como a tecnologia vai tornar a condução mais prática, confortável e emocionante quando for instalada nos veículos, em um futuro próximo.
Na frente do Pavilion, o Mobility Hub oferece uma série de serviços, como o compartilhamento de veículos elétricos (carsharing) e bicicletas de aluguel. A Nissan oferece estes serviços para aumentar as opções de mobilidade da comunidade local.

Localizado próximo da sede mundial da empresa, em Yokohama, o Nissan Pavilion estará aberto ao público de 1º de agosto a 23 de outubro. Para fazer uma visita virtual, acesse https://www.thenissannext.com/en/virtual-tour.html.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Como escolher seu pneu de forma segura?

Dunlop reforça importância da etiquetagem na hora da compra Temas como manutenção dos carr…