Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Vendas cresceram 14,3% e Nissan Kicks se consolida como o modelo mais vendido da Nissan na região.

As vendas da Nissan na América Latina cresceram 14,3% no ano fiscal 2017, levando a marca a um recorde de volume e de participação de mercado, à medida que os consumidores adotaram seus modelos preferidos, como o Nissan Kicks.

A Nissan comercializou um total de 207 mil unidades na América Latina no período de 12 meses encerrado em 31 de março, o maior volume desde que a empresa iniciou suas operações na região, em 2014. A participação de mercado subiu para 4,7%.

Alguns destaques:
• Brasil: as vendas aumentaram 26%, quando comparadas com o ano fiscal anterior. O Nissan Kicks, lançado há apenas dois anos, já representa 46% das vendas da marca no país. O crossover foi o carro mais vendido do seu segmento em março, com 19% de participação de mercado, atingindo também a 9ª posição entre todos os modelos vendidos no país.
• Argentina: as vendas da Nissan na Argentina, onde a subsidiária opera há apenas dois anos e meio, atingiram recorde, com um crescimento de 71,1% em relação ao ano anterior. Além disso, foram lançadas as bases para o robusto plano de crescimento da marca no país, com a nova fábrica de Córdoba.
• Colômbia: a Nissan encerrou o ano fiscal na terceira posição no mercado, com participação de 9,3%, e se posicionou como a importadora que mais vende carro no país. A companhia também se consolidou na liderança de picapes com a Nissan Frontier.
• Chile: as vendas cresceram 16%, fazendo com que a Nissan alcançasse a quarta posição em participação de mercado. A marca liderou o segmento de SUVs pelo segundo ano consecutivo, com 12% de participação.
• Peru: a Nissan consolidou seu crescimento na América Latina com a abertura da nova subsidiária Nissan Peru em janeiro de 2018. A filial encerrou o ano fiscal 2017 com uma participação de mercado de 4,8%.

“Os números do ano fiscal 2017 confirmam que a América Latina tem um grande potencial de desenvolvimento para a Nissan” comentou José Luis Valls, chairman da Nissan América Latina.

A Nissan atualizou seu portfólio na América Latina e introduziu novas tecnologias do Nissan Intelligent Mobility, a visão da empresa para mudar a forma como os carros são conduzidos, propulsionados e integrados à sociedade. Estes foram fatores-chave na estratégia de crescimento da empresa na região.

“Estamos confiantes em nossa estratégia. Temos crescido rapidamente – mais rápido do que a própria indústria – e nossa gama de veículos premiados está atendendo às necessidades de nossos clientes na América Latina”, completou Valls.

Neste aspecto, o Nissan Kicks é o melhor exemplo, pois não só foi o primeiro crossover inspirado e projetado especificamente para o mercado latino-americano, mas também é o veículo mais completo em seu segmento em termos de tecnologia. O modelo recebeu vários reconhecimentos, entre os quais se destaca o “Melhor SUV do ano”, pela FIPA (Federação Interamericana de Jornalistas Automotivos). Lançado em 2016, se consolidou em 2017 como o modelo mais vendido pela Nissan na região com mais de 80.000 unidades comercializadas desde o seu lançamento. Prova dessa liderança é que está no top 3 de seu segmento, em mercados como Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica e Panamá.

Outro destaque da marca em 2017 foi a Nissan Frontier. A picape recebeu 10 prêmios da imprensa automotiva brasileira como a “Melhor Picape do Ano”, pela revista Auto Esporte. O modelo começará a ser produzido na segunda metade de 2018 na nova planta de Córdoba, na Argentina. A fábrica é o segundo maior investimento da marca em manufatura na região, depois do Complexo Industrial de Resende, no Brasil.

O desempenho da Nissan na América Latina é o resultado de sua estratégia e do compromisso da marca em oferecer a seus clientes produtos e serviços com a qualidade japonesa.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Rossi conquista terceiro pódio consecutivo no Mundial de MotoGP

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.Com o resultado na GP da Catalunh…