Com o slogan “Motorista, álcool e drogas podem fazer da sua viagem um caminho sem volta”, a nova campanha do Ministério das Cidades visa concentrar esforços para a redução de acidentes envolvendo os motoristas profissionais de caminhões, ônibus, vans e táxis, sejam eles trabalhadores de empresas de transporte ou autônomos. “A campanha faz um apelo à sensibilidade familiar para evitar que o motorista profissional saia de casa e não volte mais. Ao tentar ganhar tempo na estrada ele pode acabar perdendo a vida, esse é o enfoque da campanha”, afirmou o ministro Aguinaldo Ribeiro.
 
De acordo com o ministério, a decisão de fazer a campanha voltada para os motoristas profissionais levou em conta o aumento de acidentes registrado nas estradas e vias urbanas envolvendo caminhões, ônibus, vans e taxis.
 
Desde o início do ano, o ministério trabalha em ações para a educação, mobilização e fiscalização no trânsito. As ações integram o Pacto Nacional pela Redução de Acidentes (Parada – Um Pacto pela Vida), lançado em maio de 2011 como a resposta brasileira à proclamação da ONU, que em março de 2010 anunciou a Década Mundial de Ações para a Segurança no Trânsito. “Vamos mudar o paradigma do trânsito no Brasil”, disse o ministro, ao lembrar que 42.844 pessoas morreram no trânsito em 2010, última pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde. A próxima campanha de trânsito do ministério será regionalizada para conscientizar os participantes das festas juninas.
 
Durante o lançamento, Aguinaldo Ribeiro lembrou dados que mostram a redução de acidentes nos últimos feriados prolongados no país. No feriado de Corpus Christi, a redução foi de 31% em relação ao mesmo período de 2012.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Can-Am Maverick X3 é campeão dos UTVs no Rally Dakar pelo 2º ano

Veículo assinado pela BRP é o grande destaque da categoria SxS e domina as 17 primeiras po…