Home Notícias Novos materiais para eficiência energética dos veículos estão surgindo

Novos materiais para eficiência energética dos veículos estão surgindo

Comentários desativados em Novos materiais para eficiência energética dos veículos estão surgindo
Com as novas tecnologias em materiais compostos, os veículos estão ficando mais leves. E isso é uma necessidade: busca-se cada vez mais eficiência energética, uma possibilidade que carros menos pesados conseguem viabilizar, já que gastam menos combustível.
Mas há diversos outros fatores que contribuem para essa eficiência sem prejudicar o desempenho do automóvel. É o que vamos ver neste boletim.
Pneus
Mesmo com borracha que adere melhor nas frenagens, tanto em piso seco quanto molhado, os pneus ainda precisam ser eficientes na rodagem. E é esse o desafio dos fabricantes. Com o título de “pneu verde”, alguns modelos têm sido fabricados com matérias-primas mais sustentáveis: assim contribuem para a redução de CO2 por terem maior eficiência ao atrito, demandando menor esforço do veículo para atingir as velocidades desejadas.
Peças em alumínio
Reduzindo o peso final do veículo por serem fabricados com um material mais leve que o aço, componentes como capôs e travessas dianteiras de para-choque em alumínio são cada vez mais comuns nos veículos vendidos no Brasil. Já no mundo, muitos veículos estão sendo fabricados com mais de 80% de sua carroceria em alumínio – o que chega a diminuir mais de 10% o peso total do veículo em comparação com versões fabricadas em aço.
Plástico e fibra
Peças como o painel dianteiro, que sustenta partes mecânicas como o radiador, o condensador e o eletroventilador, são feitas em compostos de fibra, que são mais leves que os painéis metálicos. Além disso, esse tipo de painel tende a evitar danos às peças fixadas nele em caso de impacto, o que reduz o custo final do reparo e também diminui o tempo do veículo parado na oficina.
Seu próximo carro – Mais eficiente 
O programa de etiquetagem de veículos é uma ferramenta que visa identificar qual modelo é mais eficiente. Nele é possível conferir o nível de consumo dos veículos à venda no Brasil – o que pode ser uma ótima ferramenta para a escolha do seu próximo carro.
 
Fonte: CESVI BRASIL
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Stellantis registra forte receita líquida do primeiro trimestre e crescimento em todas as regiões

As projeções de desempenho global do Grupo para o ano estão mantidas, com projeção de expa…