Os taxistas que precisarem comprar o primeiro carro para começar a trabalhar terão acesso a financiamento operado com dinheiro do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).
 
O Banco do Brasil, responsável pela linha de crédito, informou que, com a aprovação do Ministério do Trabalho, o dinheiro poderá ser utilizado por novos permissionários. Antes, o crédito era destinado apenas à renovação de frota, para taxistas em atividade.
 
O FAT Taxista tem como finalidade a compra de carro zero quilômetro, de fabricação nacional. O prazo das prestações é até 60 meses, com teto de financiamento até 90% do valor do carro, limitado a R$ 60 mil.
 
As parcelas são debitadas em conta corrente depois de somada a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) mais 4% ao ano, o que representa atualmente 0,75% ao mês.
 
De acordo com o banco, nos últimos doze meses, a carteira da linha FAT Taxista cresceu 50% e a previsão é de que alcance R$ 200 milhões em 2013.
 
Fonte: Agência Brasil
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nova geração do HB20 chega a partir de R$ 46.490

Completamente renovado, modelo traz inédito motor 1.0 Turbo GDI com injeção direta de comb…