Período de assentamento deve ser respeitado pelo motorista

Que o sistema de freios é essencial para a segurança dos veículos, todos sabem. No entanto, um assunto pouco explorado e não tão conhecido pelo público é a importância do cuidado com as pastilhas de freio, mesmo após a sua substituição na oficina. Segundo o coordenador de assistência técnica da TMD Friction do Brasil, Raulincom Borges da Silva, existe um tempo necessário até que as pastilhas se assentem no disco de freio e possam funcionar com todo o seu potencial. “É comum sentir uma perda de eficiência da frenagem logo após a troca das pastilhas. Para não comprometer o sistema de frenagem do veículo, é muito importante que o motorista utilize os freios com atenção, mantendo-se mais distante de outros veículos, por um período que compreenda a rodagem entre 200 a 500 km após a substituição”, explica.

Este período de cautela se aplica somente para a troca das pastilhas, sem considerar o disco de freio. Caso este item também seja substituído, o período de assentamento é muito mais rápido, visto que a superfície de ambas as peças terá poucas irregularidades. O desgaste proposital dos cantos da pastilha nova, uma prática que procura facilitar o assentamento das pastilhas no disco de freio usado, não é recomendada por especialistas, visto que diminui a área de atrito entre pastilhas e disco, reduzindo a sua eficiência e provocando, muitas vezes, o superaquecimento do sistema de freios, além de vibrações e ruídos.
Fique atento aos sinais

Após o período de assentamento, as pastilhas deverão começar a funcionar com força total. No entanto, caso trepidações ao frear ou ruídos persistentes ocorram, é necessário levar o veículo a uma oficina mecânica de confiança para avaliar o sistema e todas suas peças e a possível necessidade de substituição ou reparo.

De acordo com Raulincom, também é importante que o motorista realize uma inspeção de rotina nas pastilhas de freio a cada cinco mil quilômetros rodados. “A revisão periódica é fundamental para manter os freios em boas condições. Por outro lado, escolher uma peça de qualidade evita gastos extras e imprevistos com o sistema de freios, além de oferecer uma experiência de frenagem segura e eficiente”, completa o profissional.

Artigos Relacionados
Leia mais em Dicas e Serviços
Comentários estão fechados

Veja também

Equipe Mercedes-EQ de Fórmula E começa sua segunda temporada no próximo fim de semana

Neste final de semana a Equipe Mercedes-EQ inicia a sua segunda temporada na categoria Em …