\"\"Uma pesquisa realizada pela Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo), mostrou que 53% dos passageiros que ocupam o banco traseiro dos veículos que trafegam pelas rodovias paulistas não utilizam o cinto de segurança. 
 
O levantamento, feito nos 6,4 mil Km (45 rodovias) do Programa de Concessão Rodoviárias do Estado de São Paulo, revelou ainda que 15% dos passageiros do banco da frente não usam o dispositivo e 13% dos motoristas dirigem sem o cinto. 
 
Conforme a pesquisa, quando são considerados apenas os caminhões, o percentual sobe para 34% de passageiros do banco dianteiro sem cinto de segurança. 
 
A pesquisa foi realizada entre os dias 1 e 7 de dezembro de 2014 com 19.037 veículos que passavam pelas praças de pedágio. 
 
De acordo com a Artesp, de 2012 até outubro de 2014, 69,4% dos passageiros de bancos traseiros que morreram em acidentes nas rodovias não usavam o cinto de segurança. Já as vítimas fatais que ocupavam o banco da frente chegaram a 38,4% e para os motoristas o índice foi de 50,1%. 
 
Neste sentido, a Agência lançou uma campanha para estimular o uso do cinto de segurança que está sendo veiculada pelo aplicativo “Wase”. Além disso, segundo a Artesp, 94 faixas foram instaladas nas rodovias chamando a atenção para o uso do dispositivo e estão sendo distribuídos mais de um milhão de folders nas praças de pedágio. 
 
ANTT orienta passageiros de ônibus
 
A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestes) e o Programa Estrada Sustentável vão realizar, no próximo dia 20 de janeiro, comandos educativos na via Dutra, região de Roseira/SP. Patrocinada pela CCR Nova Dutra, a ação acontecerá das 8h às 17h, em uma área localizada no Km 78 da rodovia, na pista sentido Rio de Janeiro, em frente ao posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal).
 
O objetivo é conscientizar passageiros de ônibus sobre a importância do uso do cinto de segurança.  
 
A não utilização do cinto de segurança é considerada infração grave pelo CTB (Código de Trânsito Brasileiro) – artigo 65 -, e rende multa de R$ 127,69 por qualquer passageiro sem cinto, além de cinco pontos na carteira de habilitação do motorista. 
 
Fonte: Agência CNT de Notícias
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Renault anuncia investimento de R$ 1,1 bilhão no Brasil

O anúncio reafirma a importância do mercado brasileiro para o Grupo Renault A Renault do B…