Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Exportações em alta e sucesso de mercado dos modelos Jeep Renegade e Compass e Fiat Toro determinam aumento da produção

 Prestes a completar três anos de operação, o Polo Automotivo Jeep anuncia o início de uma nova fase. O polo responsável pela fabricação do Jeep® Renegade e Compass e da picape Fiat Toro passa a produzir em três turnos. Com o novo horário de trabalho, já foram contratados cerca de 1.500 novos colaboradores, considerando a planta automotiva e as 16 empresas do Parque de Fornecedores instalado no mesmo perímetro industrial, além de empresas terceirizadas que atuam no local. As contratações devem seguir até o final do ano.  Com o início do novo turno, o Polo passa a operar em ciclo ininterrupto.

No ano passado, 179 mil veículos foram produzidos no Polo Automotivo Jeep. Com o terceiro turno em operação, o Polo pode avançar em direção à produção a plena capacidade, que é de 250 mil veículos por ano. As contratações já começaram e continuarão de forma gradativa ao longo dos próximos meses, seguindo o incremento da manufatura.

Com a abertura do terceiro turno, o número de trabalhadores do polo sobe para mais de 13.600, sendo 4.850 colaboradores na planta automotiva Jeep, 5.660 no parque de fornecedores e outros 3.100 terceirizados.

Para implantar a nova operação e garantir a manutenção do nível de excelência de produção, a FCA investiu no desenvolvimento de pessoas, como vem fazendo desde a fase de obras de construção civil do polo.

A necessidade de treinar com rapidez muitas pessoas sem experiência no setor automobilístico fez com que o time da Jeep adquirisse habilidades e competências para desenvolver programas de capacitação, que a tornaram referência no grupo no mundo.  Os novos trabalhadores que estão sendo contratados são formados por profissionais do polo que residem na própria região.

Parque de Fornecedores integrado

Ocupando uma área de 270 mil metros quadrados no perímetro fabril, o Parque de Fornecedores é composto por 16 empresas que são responsáveis pela fabricação de 17 linhas estratégicas de produtos para a produção dos três modelos da FCA.

Desde o início, a estratégia de estabelecer junto à planta vários fornecedores estratégicos permitiu que os veículos produzidos no Polo alcançassem um alto índice de nacionalização. Atualmente, esse índice ultrapassa a marca de 75%, um destaque na indústria automotiva brasileira. Apenas os fornecedores internos ao perímetro fabril são responsáveis por 40% dos conteúdos dos modelos produzidos. Os demais componentes têm origem principalmente nos estados de Pernambuco, São Paulo e Minas Gerais.

A formação do Parque de Fornecedores estabeleceu junto à planta linhas estratégicas de insumos e componentes, que impactam nos custos e riscos logísticos e na qualidade. A integração também assegura maior flexibilidade ao processo produtivo, com a adoção dos sistemas just in time e just in sequence. Além disso, esta opção estreita e consolida ainda mais a relação com os fornecedores, permitindo o compartilhamento de processos.

Os investimentos no Parque de Fornecedores ultrapassaram os R$2 bilhões. Estão instalados lá fornecedores de conjuntos estampados e soldados, pintura, pelas injetadas de acabamento interno e externo, montagens (como bancos, mecanismos, suspensão, pneus/rodas, vidros, entre outros), além de sistemas complexos como painéis de instrumentos, sistema de arrefecimento do motor e ar condicionado.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Fundação Volkswagen lança o Moveaê, seu novo jogo de mobilidade urbana

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.Game está disponível para computa…