Um novo modelo híbrido e o melhor desempenho da categoria para o Panamera

Uma simbiose única em seus contrastes: o novo Porsche Panamera cobre agora um espectro ainda maior. Ele combina o desempenho de carro esportivo ao conforto de um sedã exclusivo. Com o Panamera Turbo S de 463 kW (630 cv), a fabricante de carros esportivos reforça com sucesso sua proclamação de melhor performance na categoria. O novo modelo topo de linha ultrapassa os valores de desempenho do Panamera Turbo anterior por uma larga margem. A Porsche também continua desenvolvendo sua estratégia E-Performance. O Panamera 4S E-Hybrid é uma nova adição à gama de híbridos plug-in, oferecendo um trem de força totalmente novo com 412 kW (560 cv) de potência de sistema. Em comparação com os modelos híbridos anteriores, a autonomia totalmente elétrica foi elevada em até 30%. Tanto o conforto como a esportividade ganharam muito com os aperfeiçoamentos dos componentes do chassi e sistemas de controle, combinados a uma nova geração de sistema de direção e pneus.

Com uma potência de 463 kW (630 cv) e um torque de 820 Nm, o novo Panamera Turbo S oferece 59 kW (80 cv) a mais de potência e 50 Nm mais torque que o anterior modelo Turbo topo de linha com motor a combustão. Isso teve um efeito muito positivo no desempenho: no modo Sport Plus, o modelo Turbo S acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,1 segundos. Desenvolvido em Weissach e fabricado em Zuffenhausen o conhecido motor V8 biturbo de 4 litros foi amplamente reformado para permitir que o carro atingisse uma velocidade máxima de 315 km/h. Para transferir a enorme potência para a estrada de forma controlada e maximizar o desempenho nas curvas, a suspensão pneumática de três câmaras, o sistema Porsche Active Suspension Management (PASM – gerenciamento ativo da suspensão) e o sistema de estabilização de rolagem Porsche Dynamic Chassis Control Sport (PDCC Sport – controle dinâmico esportivo do chassi), incluindo o Porsche Vectoring Plus (PTV Plus – direcionamento de torque) foram adaptados para cada modelo específico e otimizados individualmente.

O motor V8 biturbo do Panamera GTS foi otimizado com foco específico em sua potência. Com 353 kW (480 cv) e 620 Nm, o novo Panamera GTS entrega 15 kW (20 cv) de potência a mais do que seu antecessor. A potência cresce continuamente até perto do limite de rotação do motor. Por isso, a disponibilidade de força é como a de um carro esportivo clássico equipado com motor naturalmente aspirado. As características do som tradicional de um V8 ficaram ainda mais proeminentes que antes, graças ao novo sistema de escapamento esportivo de série, equipado com silenciadores traseiros posicionados assimetricamente.

Os novos Panamera e Panamera 4 agora são equipados com o conhecido motor 2,9 litros V6 biturbo em todos os mercados do mundo. Desenvolvendo 243 kW (330 cv) e 450 Nm, o desempenho permanece inalterado.

Os sistemas de chassi e controle foram orientados para um caráter mais esportivo e também confortável em todos os novos modelos Panamera. Alguns sistemas foram até mesmo desenvolvidos completamente desde o início. O renovado sistema Porsche Active Suspension Management (PASM – gerenciamento ativo da suspensão), por exemplo, levou a uma perceptível melhora no conforto de amortecimento, enquanto o controle do sistema elétrico de estabilização de rolagem Porsche Dynamic Chassis Control Sport (PDCC Sport) garante uma maior estabilidade da carroceria. Também há uma nova geração de equipamentos para o controle da direção e pneus.

A Porsche está apresentando mais um modelo plug-in híbrido voltado ao desempenho com o novo Panamera 4S E-Hybrid. A combinação inteligente do motor elétrico de 100 kW (136 cv) integrado à transmissão PDK de oito velocidades com dupla embreagem e o motor 2,9 litros V6 biturbo com 324 kW (440 cv) gera uma potência de sistema de 412 kW (560 cv) e um torque máximo de sistema de 750 Nm. Assim, os valores de desempenho são verdadeiramente impressionantes: em combinação com o pacote Sport Chrono, a arrancada de 0 a 100 km/h é feita em 3,7 segundos. A velocidade máxima é 298 km/h. A capacidade bruta da bateria foi aumentada de 14,1 para 17,9 kWh em comparação com os modelos híbridos anteriores com o uso de células otimizadas e os modos de condução foram otimizados para uma utilização de energia ainda mais eficiente. O 4S E-Hybrid agora tem uma autonomia totalmente elétrica de até 54 km segundo o ciclo WLTP EAER City (pelo NEDC até 64 km).

O sistema Porsche Communication Management (gerenciamento de comunicações) inclui mais funções e serviços digitais, tais como o controle vocal Voice Pilot aperfeiçoado e o Risk Radar, fornecendo sinalização rodoviária atualizadas e informações de riscos, o Apple CarPlay sem fio e muitos outros serviços Connect. O Panamera também oferece uma ampla seleção de inovadores sistemas de iluminação e assistência, tais como o Lane Keeping Assist de manutenção de faixa de rolamento, agora de série, incluindo reconhecimento de sinalização de trânsito, assim como o Porsche InnoDrive incluindo o Adaptive Cruise Control (controle de velocidade adaptativo), Night Vision Assist (assistente de visão noturna), Lane Change Assist (assistente de mudança de faixa), faróis em matriz de LED incluindo PDLS Plus, Park Assist com Surround View (visão 360º) e display head-up.

No momento está confirmado para o Brasil apenas a versão Panamera 4S E-Hybrid com previsão de chegada início de 2021. O preço público da versão Panamera 4S E-Hybrid é de R$ 649.000,00 e já inclui a instalação do carregador.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Rompimento da coifa compromete a vida útil da junta homocinética

Rasgos e furos na coifa protetora provocam entrada de resíduos na junta homocinética Peça …