A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) assinou ordem de serviço para a implantação de faixas exclusivas para transportes públicos na capital. Receberão as faixas as avenidas Miguel Rosa (trecho da Rua Rui Barbosa até a Avenida Maranhão), Maranhão (da Alameda Parnaíba até o Conjunto Saci), Joaquim Nelson (do Terminal do Livramento até o cruzamento com a Avenida José Francisco de Almeida Neto, avenida principal do Dirceu) e Higino Cunha (trecho da Miguel Rosa até a Ponte Wall Ferraz).
Serão 11 quilômetros de faixas exclusivas para ônibus que têm como objetivo proporcionar mais agilidade para os transportes públicos.  De acordo com a engenheira Adélia de Melo, as vias vão ganhar sinalização horizontal e vertical para identificar as faixas exclusivas. “Serão locais por onde passarão apenas os ônibus, com isso será proporcionada mais agilidade para os coletivos. À medida que formos concluindo as etapas das obras a expectativa é que o sistema de transporte público da cidade ganhe mais qualidade”, enfatizou.
A engenheira explica ainda que ao longo das vias onde terão as faixas exclusivas serão implantados abrigos para os passageiros.” Além da sinalização para indicar a faixa exclusiva, em todas as avenidas também serão implantados 30 novos abrigos”, acrescentou.
A Lei que trata da mobilidade urbana cita que os serviços de transporte público coletivo devem ter prioridade sobre o transporte individual motorizado, portanto, as ações estão sendo realizadas seguindo a legislação, sempre priorizando o transporte coletivo que beneficia um maior número de pessoas.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nissan comemora 20 anos de uma história de sucesso no Brasil

Da importação de carros à fabricante nacional de automóveis, marca consolida sua presença …