Começa a funcionar amanhã (11) a terceira etapa da mudança do sentido da Rua Magalhães Filho, na zona Norte. A circulação de veículos na via será alterada para o sentido Norte/Centro. A sinalização horizontal na Rua Magalhães Filho será toda concluída no trecho que compreende a Avenida Campos Sales e Alameda Parnaíba.
Além disso, será alterada também a rota dos ônibus: os que circulavam na Rua Magalhães Filho, sentido Centro/Norte, a partir de amanhã irão circular na Rua Anísio de Abreu. As duas vias foram asfaltadas e agora contam com as faixas exclusivas que irão dar mais agilidade ao transporte público.
De acordo com o diretor de Trânsito e Sistema Viário, José Falcão, a mudança vai melhorar fluidez de veículos no local. “Estamos trabalhando para melhorar a circulação de veículos e dar mais agilidade ao transporte público. As mudanças são necessárias, pois a cidade está crescendo e a frota de veículos também”, acrescentou.
Falcão enfatiza que os agentes de trânsito estarão amanhã, durante todo o dia, ao longo das Ruas Magalhães Filho e Anísio de Abreu para orientar os condutores e evitar maiores problemas na circulação dos veículos. “Na verdade, antigamente tínhamos quatro vias, das quais somente uma fazia ligação bairro/Centro. Agora, com a mudança, duas ruas irão ligar o centro ao bairro e as outras duas o bairro ao centro, assim a circulação de veículos ficará mais equilibrada”, finalizou.
Para a diretora de Transportes Públicos da Strans, Cíntia Machado, a mudança na circulação dos ônibus irá facilitar a mobilidade das pessoas que utilizam o transporte público, pois dará mais agilidade, reduzindo assim o tempo de espera nas paradas. “Estaremos com os nossos fiscais nas paradas de ônibus nas duas vias para orientar os usuários e garantir o bom serviço. Toda mudança tem uma período de adaptação, mas o importante é que estamos trabalhando para oferecer um melhor serviço para todos”, acrescentou.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Renault anuncia investimento de R$ 1,1 bilhão no Brasil

O anúncio reafirma a importância do mercado brasileiro para o Grupo Renault A Renault do B…