Desde 2017, a Fundação Toyota tem uma parceria com Fundação Espaço ECO (FEE).

A Fundação Toyota do Brasil iniciou a segunda edição do Projeto Ambientação na Região Metropolitana de Campinas (RMC). Na plateia da Câmara Municipal de Vereadores de Campinas, mais de 70 profissionais das cidades inscritas estavam ansiosos para saber mais sobre a ação, que utiliza uma metodologia da montadora japonesa para resolução de problemas. Em 2018, após a primeira edição do projeto na RMC, foram economizados mais de 18 milhões de litros de água. O resultado faz parte de um estudo em Avaliação do Ciclo de Vida, realizado pela Fundação Espaço ECO.

O Toyota Business Practices (TBP), metodologia exclusiva da Toyota, pulou os muros das fábricas, há mais de dez anos, e tem beneficiado escolas, instituições públicas e diversas entidades de Indaiatuba e Sorocaba, no interior de São Paulo, e Guaíba, no Rio Grande do Sul, resolvendo qualquer tipo de problema por meio do projeto Ambientação, desenvolvido pela Fundação Toyota do Brasil.

A capacitação, que vai ocorrer até agosto deste ano, tem apoio do Comitê PCJ – Comitês das Bacias Hidrográficas dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí -, e conta com representantes das cidades inscritas. Este ano, o convite foi ampliado para as cidades da Região Metropolitana de Campinas e outras regiões do interior de São Paulo. “A expectativa é muito grande. Nós esperamos poder capacitar todos esses profissionais, trocar experiências e passar todo nosso ensinamento para que essas pessoas possam se tornar multiplicadores de boas práticas e ampliar essa rede de sustentabilidade”, ressalta Elaine Marques, coordenadora do projeto Ambientação.

Cidades inscritas: Americana, Amparo, Campinas, Campo Limpo Paulista, Cordeirópolis, Cosmópolis, Extrema, Franca, Holambra, Hortolândia, Itirapina, Jundiaí, Morungaba, Piracaia, Rio Claro, Rio de Janeiro, Santa Barbara d’Oeste, Santo Antonio de Posse, São Caetano do sul, São Paulo, Socorro e Vinhedo.

Primeira edição na Região Metropolitana de Campinas

Desde 2017, a Fundação Toyota tem uma parceria com Fundação Espaço ECO (FEE), que com base na metodologia de Avaliação de Ciclo de Vida (ACV), avaliou 18 trabalhos desenvolvidos por gestores públicos na primeira edição do projeto Ambientação. De acordo com o estudo, mais de 18 milhões de litros de água foram economizados em 2018 na Região Metropolitana de Campinas. O volume é o equivalente a 36 mil caixas d’água de 500 litros, quantidade suficiente para 600 pessoas tomarem banho de cinco minutos em um ano. Além disso, essa redução de consumo pode chegar ao fim de 2019 a 42 milhões de litros de água que deixarão de ser desperdiçados.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Leitor de sinais de trânsito da Ford Ranger 2020 é tecnologia inédita em picapes

O sistema alerta o motorista sobre os limites de velocidade, usando duas câmeras e process…