O cenário conturbado da economia segue afetando fortemente a concessão de crédito para o setor automotivo. O balanço da ANEF (Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras), referente ao mês de janeiro, registrou queda de 28,4% do total de recursos liberados nos últimos doze meses. Para a modalidade CDC, foram liberados R$ 6,08 bilhões, o que representa retração de 23,4% no mês e 28,4% no acumulado do ano. A redução mais acentuada se refere aos recursos liberados para pessoa jurídica, que encolheu 33,6% apenas em janeiro.
Na visão da entidade não é possível projetar uma retomada da economia nacional até que o desemprego estabilize e o mercado volte a ter poder compra. Em 12 meses, o saldo total das carteiras de veículos (CDC e leasing) caiu 13,9%, acumulando R$ 181,5 bilhões. Entre as modalidades de financiamento, houve retração de 13,2% nas carteiras de CDC, que registra um saldo de R$ 175,6 bilhões no acumulado de um ano.
De acordo com as previsões da ANEF, as taxas de inadimplência mantiveram tendência de alta, chegando a 6,2% no mês de janeiro para pessoa física e 4,7% para pessoa jurídica. A associação reconhece que a inadimplência decorre diretamente da perda de renda familiar e pela redução no volume de negócios para as empresas, ambos agravados nos últimos meses.
O aumento dos atrasos acima de 90 dias na carteira de CDC foi de 0,7 ponto percentual, alcançando 4,2% dos contratos de pessoa física, enquanto o percentual na modalidade jurídica subiu 0,7 ponto percentual, chegando aos 5% no acumulado de 12 meses.
Taxas e prazos
Durante o período analisado, as taxas praticadas pelos bancos de montadoras continuam mais atraentes para o consumidor. Em relação a janeiro a média oferecida foi de 1,8% ao mês e 23,80% ao ano. Já a taxa dos bancos independentes passou de 1,9% a.m. para 2,04% a.m., contabilizando e 27,5% a.a. para pessoa física.   
O prazo médio das concessões se manteve em 42 meses, mesmo número registrado entre o período de 2013 a 2015. Os planos máximos disponibilizados pelos bancos aos consumidores seguem em 60 meses.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

GM apresenta sua primeira picape 100% elétrica

HUMMER EV conta com potência estimada de 1.000 cv, baterias Ultium com autonomia superior …