Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
A Comissão de Viação e Transportes rejeitou o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 312/16, do deputado Roberto Sales (PRB-RJ), que suspende duas resoluções do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que adiaram o uso obrigatório do modelo de placa de identificação para todos os veículos padronizado pelo Mercosul.
A rejeição foi pedida pelo relator do projeto, deputado Altineu Côrtes (PMDB-RJ), por “perda de objeto”. A Resolução 527/15 prorrogou o prazo estabelecido de 1º de janeiro de 2016 para 1º de janeiro de 2017; e a Resolução 553/15 suspendeu os efeitos do Anexo I da Resolução 510/14, que trata das especificações técnicas das placas.
O autor do projeto era contra o adiamento da entrada em vigor das placas padronizadas. Côrtes afirmou, no entanto, que logo após a apresentação do PDC 312/16 o Contran editou a Resolução 590/16, que resolveu de vez a questão.
A norma determinou que até o fim de 2020 todos os veículos em circulação no Brasil deverão ter placas de identificação no padrão do Mercosul.
Fonte: Agência Câmara Notícias
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Ford lança óleo semissintético para o mercado de reparação independente

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.A Omnicraft, linha de peças autom…