Em novembro, muitas famílias começam a planejar os roteiros e despesas para aproveitar as férias de fim de ano. Para evitar grandes preocupações, o automóvel deve estar em ordem. As revisões não devem ser feitas na véspera da viagem, pois, em caso de troca de alguma peça, ela dificilmente será substituída no mesmo dia ou de um dia para o outro.
 
As revisões preventivas, além de garantir a segurança de todos na viagem, representam uma economia para o bolso. Entre os equipamentos que devem ser revistos, destacamos os filtros do ar, óleo e combustível e o de cabine. As trocas deste sistema devem seguir as orientações do manual do proprietário. Trocar o óleo, por exemplo, sem a troca do filtro, diminui a vida útil do lubrificante. A água e o óleo são componentes fundamentais para um bom funcionamento do motor. O óleo lubrifica o motor, não deixa a peça desgastar antes do previsto e nem em outras partes, também evita corrosão e, para isso, conta com anticorrosivos, detergentes e uma série de outros elementos. Faça sempre a troca de água por líquido de arrefecimento para evitar que o motor ferva, porque, neste caso, ele vai quebrar ou fundir o motor.
 
Relacionamos, abaixo, os detalhes nos cuidados com cada um dos filtros que compõem o sistema do seu carro:
 
Filtro de cabine
A falta de manutenção dos filtros de cabine pode causar acúmulo de micro-organismos e partículas que podem complicar o fluxo de ar no interior do veículo e potencializar doenças respiratórias aos seus ocupantes. Sua principal função é reter grandes concentrações de fuligem, poeiras e gases tóxicos. Caso não seja feito o acompanhamento, o ar respirado pode estar contaminado.
 
Filtro do ar
O filtro do ar tem a função de reter as partículas, garantindo que apenas ar limpo entre na câmara de combustão. A perda de potência, o desgaste excessivo nas partes móveis do motor, como pistão e anéis, pode ser ocasionada pelo acumulo ou a passagem de grãos de areia, pó e fuligem.
 
Filtro do óleo
Com a função de impedir a entrada de impurezas no sistema de lubrificação do motor, é recomendado realizar a troca do filtro sempre que trocar este óleo. Caso a manutenção não seja feita, o novo fluido colocado tem sua durabilidade reduzida, já que há uma mistura com o velho contido no filtro não trocado.
 
Filtro do combustível
A recomendação para troca do filtro do combustível é que seja feita de acordo com as instruções do fabricante do veículo, e se isto não for respeitado pelo motorista, pode ocasionar problemas nos bicos injetores e a queima da bomba de combustível. Outro problema que pode ocorrer pela falta de manutenção no filtro é a perda de potência do veículo, devido à mistura irregular de ar com o combustível.
 
“A MANN-FILTER pede que todos os motoristas sempre fiquem atentos ao manual do veículo, onde muitas informações estão contidas que auxiliam o motorista a prolongar a vida útil do automóvel”, explica o consultor técnico André Gonçalves.
 
 
Confira abaixo outros itens que precisam ser verificados antes da viagem:
– nível do óleo do motor;
– nível da água do limpador e do radiador;
– filtro do ar, do óleo e do combustível;
– bateria, velas e cabos;
– lâmpadas e faróis;
– limpadores de para-brisa e traseiro;
– desgaste e calibragem dos pneus;
– sistema de suspensão e freios;
– extintor de incêndio e kit de emergência (chave, triângulo e lanterna).
 
O preço das revisões básicas, incluindo troca de aditivos e fluidos, fica em torno de R$ 400 para os modelos de carro mais populares e conforme a concessionária. Este valor, entretanto, pode variar conforme o modelo do carro e a montadora. O tempo para que se realize o check-list varia entre 40 e 90 minutos.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados
Em novembro, muitas famílias começam a planejar os roteiros e despesas para aproveitar as férias de fim de ano. Para evitar grandes preocupações, o automóvel deve estar em ordem. As revisões não devem ser feitas na véspera da viagem, pois, em caso de troca de alguma peça, ela dificilmente será substituída no mesmo dia ou de um dia para o outro.
 
As revisões preventivas, além de garantir a segurança de todos na viagem, representam uma economia para o bolso. Entre os equipamentos que devem ser revistos, destacamos os filtros do ar, óleo e combustível e o de cabine. As trocas deste sistema devem seguir as orientações do manual do proprietário. Trocar o óleo, por exemplo, sem a troca do filtro, diminui a vida útil do lubrificante. A água e o óleo são componentes fundamentais para um bom funcionamento do motor. O óleo lubrifica o motor, não deixa a peça desgastar antes do previsto e nem em outras partes, também evita corrosão e, para isso, conta com anticorrosivos, detergentes e uma série de outros elementos. Faça sempre a troca de água por líquido de arrefecimento para evitar que o motor ferva, porque, neste caso, ele vai quebrar ou fundir o motor.
 
Relacionamos, abaixo, os detalhes nos cuidados com cada um dos filtros que compõem o sistema do seu carro:
 
Filtro de cabine
A falta de manutenção dos filtros de cabine pode causar acúmulo de micro-organismos e partículas que podem complicar o fluxo de ar no interior do veículo e potencializar doenças respiratórias aos seus ocupantes. Sua principal função é reter grandes concentrações de fuligem, poeiras e gases tóxicos. Caso não seja feito o acompanhamento, o ar respirado pode estar contaminado.
 
Filtro do ar
O filtro do ar tem a função de reter as partículas, garantindo que apenas ar limpo entre na câmara de combustão. A perda de potência, o desgaste excessivo nas partes móveis do motor, como pistão e anéis, pode ser ocasionada pelo acumulo ou a passagem de grãos de areia, pó e fuligem.
 
Filtro do óleo
Com a função de impedir a entrada de impurezas no sistema de lubrificação do motor, é recomendado realizar a troca do filtro sempre que trocar este óleo. Caso a manutenção não seja feita, o novo fluido colocado tem sua durabilidade reduzida, já que há uma mistura com o velho contido no filtro não trocado.
 
Filtro do combustível
A recomendação para troca do filtro do combustível é que seja feita de acordo com as instruções do fabricante do veículo, e se isto não for respeitado pelo motorista, pode ocasionar problemas nos bicos injetores e a queima da bomba de combustível. Outro problema que pode ocorrer pela falta de manutenção no filtro é a perda de potência do veículo, devido à mistura irregular de ar com o combustível.
 
“A MANN-FILTER pede que todos os motoristas sempre fiquem atentos ao manual do veículo, onde muitas informações estão contidas que auxiliam o motorista a prolongar a vida útil do automóvel”, explica o consultor técnico André Gonçalves.
 
Confira abaixo outros itens que precisam ser verificados antes da viagem:
– nível do óleo do motor;
– nível da água do limpador e do radiador;
– filtro do ar, do óleo e do combustível;
– bateria, velas e cabos;
– lâmpadas e faróis;
– limpadores de para-brisa e traseiro;
– desgaste e calibragem dos pneus;
– sistema de suspensão e freios;
– extintor de incêndio e kit de emergência (chave, triângulo e lanterna).
 
O preço das revisões básicas, incluindo troca de aditivos e fluidos, fica em torno de R$ 400 para os modelos de carro mais populares e conforme a concessionária. Este valor, entretanto, pode variar conforme o modelo do carro e a montadora. O tempo para que se realize o check-list varia entre 40 e 90 minutos.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Mercedes-Benz do Brasil é premiada por iniciativas de diversidade

Seguindo estratégia global da Daimler, Companhia valoriza as diferenças e fortalece a cult…