\"\"Esta pergunta você provavelmente já ouviu: “O seu carro gasta muito combustível?”
 
Para calcular o consumo, é bem simples!  Basta escolher um posto de confiança e pedir para o frentista completar o tanque. A partir daí, é só zerar o hodômetro parcial e, no próximo abastecimento, verificar quantos litros foram usados para se completar o tanque novamente.
 
Fazendo a divisão de quilômetros rodados pela quantidade de litros, obtemos a média em km/l (quilômetros por litro).
 
Porém, nos dias de hoje, com os veículos bicombustíveis em conjunto com a variação de preço por litro nos postos, fica muito mais coerente sabermos quantos reais estamos gastando em combustível por quilômetro percorrido.
 
CALCULADORA MENTAL
 
O princípio é o mesmo!  Abasteça o veículo e zere o hodômetro. Assim que for abastecer novamente, complete o tanque e anote quantos reais gastou!
EXEMPLO: Vamos supor que você gaste R$ 105 no reabastecimento e, no final do tanque, o hodômetro marque 400 quilômetros percorridos.
 
Teremos: R$ 105 ÷ 400 quilômetros = R$ 0,26/km. Ou seja, serão gastos 26 centavos de combustível para cada quilômetro percorrido.
Abaixo está um exemplo do comparativo entre gasolina e etanol:
 
\"\"
 
 
Você viu que a vantagem em reais é do etanol.
 
O grande benefício de se acompanhar o consumo é identificar variações que podem representar problemas de ordem mecânica, elétrica, combustível de má qualidade e até mesmo uma forma de condução não apropriada.
 
Lembre-se que o consumo pode variar se você roda muito na estrada ou só no perímetro urbano, e também de acordo com o modo de condução.
 
Quem tem “pé de chumbo” gasta mais. Quem dirige sobriamente, com segurança, gasta menos. Nada mais justo…
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Financiamentos de veículos têm melhor novembro desde 2014

Mês registra mais de 526 mil unidades – incluindo auto leves, motos e pesados, novos e usa…